Connect with us

Listas

TRIP LISTAS | Os melhores filmes musicais da história do cinema!

Publicado

em

Os filmes musicais geram, até hoje, opiniões muito contraditórias entre os fãs de cinema. Alguns acreditam que esses filmes, dão demasiado enfoque à música, outros defendem que o filme, uma vez categorizado como musical, deve conter música do início ao fim.

O resultado é o mesmo de sempre: alguns saem do cinema satisfeitos com o que viram (e, neste caso, ouviram), e outros desejam que o filme tivesse acabado mais cedo, ou pior, dão votos de que nunca irão assistir um filme que tenha um “Let It Go” (lerigou) nas cenas.

Vale destacar que a maior parte desses filmes é, na verdade, uma versão cinematográfica de peças de teatro que estão em exibição nos palcos de West End ou na Broadway. Outros são completamente originais e procuram conquistar uma nova audiência a partir do cinema. Alguns filmes, ainda que poucos, conseguiram até nomeações pela “A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas” (o cobiçado Oscar).

Nesta nova edição do Trip Listas, decidimos nomear os 10 filmes musicais que marcaram a história do cinema e que ainda continuam a ter fãs assíduos pelo gênero musical.

10 – Grease: Nos Tempos da Brilhantina – 

Podemos dizer que Grease: Nos Tempos da Brilhantina marcou uma geração. Tudo começa com dois jovens que se apaixonam no verão. Pouco tempo depois, eles  percebem que vão estudar no mesmo local e ficam com dúvidas sobre a resistência do amor entre ambos.

Os dois apaixonados são nada mais nada menos do que Danny e Sandy, personagens interpretados por John Travolta e Olivia Newton-John, respectivamente.

9 – Os Miseráveis – 

O clássico de Victor Hugo ganhou vida nas telonas pelas mãos do diretor Tom Hooper. O filme se passa na França do século XIX e junta à narrativa principal com um contexto histórico-social que nos leva para outros tempos.

A instabilidade política, a pobreza e a desigualdade são temas frequentes de Les Miseráble, que nos mostra a história de Valjean e do seu perseguidor, o temível Javert.

8 – La La Land: Cantando Estações – 

Um dos filmes queridinhos do público e que se envolveu em uma polêmica na entrega do Oscar, o filme trouxe nova vida às nossas queridas produções musicais que estavam com uma grande baixa. Com uma bela produção visual (os cenários passando em uma Hollywood que faz um contraste visual digno com o que passa os protagonistas é fabuloso) e músicas que ficaram na boca do povo, como “City of Stars”, que faturou uma estatueta do Oscar.

La La Land pode ter tido alguns defeitos no desenvolvimento romântico dos protagonistas que foram vividos por Ryan Gosling e Emma Stone, entretanto, a produção de Damien Chazelle tem uma grande importância no cenário atual do cinema americano e a vitória com 6 estatuetas no Oscar prova que o gênero de filmes musicais continuam vivos e fortes no gosto do público.

7  – Moulin Rouge – Amor em Vermelho – 

Nicole Kidman e Ewan McGregor juntam-se para cantar sobre o amor, liberdade e poesia. Tendo como pano de fundo o infame bordel Moulin Rouge. Assistimos à história de dois amantes separados por interesses distintos, mas unidos pela paixão que sentem um pelo outro.

O filme também conta com uma parte de covers de músicas conhecidas como “Like a Virgin”, “Your Song” e “The Hills Are Live”, somos introduzidos a algumas canções originais, como é o caso de “Hindi Sad Diamonds”. Um filme que vale a pena assistir por todos os amantes do cinema musical.

6 – Minha Bela Dama – 

Minha Bela Dama é um clássico dos clássicos. Talvez nunca tenha tido o mesmo alcance que outros musicais do mesmo porte como “A Noviça Rebelde”, mas mesmo assim, é um grande exemplo de uma época que, provavelmente, não voltará mais.

Baseado na versão musical da Broadway de mesmo nome, o musical conta a história de Eliza Doolittle, que é vivida por uma das maiores atrizes de todos os tempo, a bela Audrey Hepburn, uma mendiga que vende flores pelas ruas escuras de Londres em busca de uns trocados. Em uma dessas rotineiras noites, Eliza conhece um culto professor de fonética chamado Henry Higgins (vivido pelo premiado ator Rex Harrison) e sua incrível capacidade de descobrir muito sobre as pessoas apenas através de seus sotaques.

Mesmo se tornando um patinho feio com o passar dos anos, o filme é incrível tanto visualmente e também sonoramente, a produção faturou 8 estatuetas do Oscar, incluindo como Melhor Filme no ano de 1965. Um grande clássico que vale a pena assistir!

5 – Mary Poppins (1964) – 

Trata-se de um dos maiores clássicos da Disney. Julie Andrews atua com grande louvor em um papel que ela e os fãs amam bastante. Numa aventura que envolve guarda-chuvas que permitem voar, Mary Poppins traz alegria à vida das crianças, cumprindo os seus muitos caprichos. Lembrando que o filme irá ganhar um reboot para contar uma nova história.

4 – O Magico de Oz (1939) – 

É um dos maiores clássicos, não só da história de filmes musicais, mas também como da história do cinema. Estrelado pela incrível Judy Garland que, entre canções, dá vida a Dorothy, a menina que decide ir à procura do Magico de Oz, juntamente com os seus mais recentes companheiros.

O tema mais icônico do filme é “Somewhere Over The Rainbow” que desde então já foi interpretado e reinterpretado por muitas outras vozes que não a da atriz.

 3 – Chicago (2002) – 

Não é comum que filmes musicais acabem faturando estatuetas do Oscar nas categorias principais, muito menos na categoria de Melhor Filme. Ainda assim, foi exatamente isso que aconteceu com o filme Chicago. Com as interpretações de Renée ZellwegerCatherine Zeta-Jones e Richard Gere, o filme retrata a cidade norte-americana durante a década de 1920.

O enredo gira ao redor das criminosas da prisão de Cook County e de como recorrem a um poderoso assessor que, habilidosamente, manipula os jornalistas para convencer o público da inocência das assassinas.

2 – A Noviça Rebelde – 

Quem nunca viu o filme que conta a história de Maria, a noviça que está farta do convento e se torne preceptora das crianças Von Trapp? Este é um dos clássicos não só do cinema musical, como também de toda a cinematografia.

Tendo Julie Andrews como protagonista, conhecemos pela primeira vez canções como “The Hills are Alive”, “My Favorite Things”, “So Long Farewell” e “Edelweiss”. Os números musicais de A Noviça Rebelde inspiraram gerações de crianças que hoje passam o mesmo filme aos seus filhos e, um dia, talvez até mesmo aos netos.

1 – Cantando na Chuva (1952) – 

Singin’ in the Rain é um clássico incontornável no mundo dos musicais. Afinal, quem não se lembra do tema que dá nome ao filme na voz de Gene Kelly?

Quanto a história, já quase tudo foi dito: o filme é sobre uma companhia de cinema mudo que está naquele momento a fazer uma difícil transição para a fase do cinema sonoro. Singin’ in the Rain foi nomeado para duas estatuetas do Oscar, um dos quais o de Melhor Música.

Professor de Biologia e Educação Física Escolar, amante de praticamente tudo do mundo nerd e lunático pela 7º Arte. Apresentador do Teekcast e futuro youtuber, gosta da Marvel mas não tem vergonha de revelar para todos o seu amor platônico pela DC Comics e odeia a briga boba entre marvetes e dcnautas.

Listas

STAR WARS DAY | Os melhores filmes da franquia Star Wars

Publicado

em

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltd ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltd ©)

Nesta sexta-feira (4), os fãs da saga espacial “Star Wars” do mundo todo celebram o “May the 4th”. A data também é conhecida como o Dia de “Star Wars” e homenageia os filmes, os livros e todo o universo concebido pelo cineasta George Lucas.

Mas por que “May the 4th”? O nome que batiza a comemoração é um trocadilho com a data quatro de maio em inglês, “may the 4th”, e a célebre frase repetida durante a franquia: “may the force be with you” (“que a força esteja com você”). 

A celebração aconteceu pela primeira vez em 2008 e desde então fãs se reúnem para celebrar. Para comemorar a data, nós do Nerdtrip resolvemos fazer um top 05 sobre os melhores filmes que envolvem o universo de Star Wars:

Star Wars: O Despertar da Força

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

Após 10 anos de conclusão da saga em 2 trilogias, a Disney acabou comprando a Lucas Film e lançou o sétimo filme da franquia. Intitulado “O Despertar da Força”, o longa misturou novos personagens e antigos da trilogia clássica para uma inédita aventura. Com o tão aguardado retorno, o filme foi um enorme sucesso de bilheteria e crítica.

Star Wars: Uma Nova Esperança

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

Em 25 de maio de 1977, George Lucas dava o pontapé no maravilhoso mundo da franquia que amamos até hoje. Para época, as ideias de filmagem e feitos especiais criados por Lucas e sua equipe foram revolucionários, o que acabou rendendo vários prêmios e uma admiração enorme do público com a franquia começou a nascer.

Star Wars: Os Últimos Jedi

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

O último filme da saga que foi lançado em 2017 e também o último filme feito pela eterna Princesa Leia (Carrie Fisher), Os Últimos Jedi foi cercado de polêmicas e dúvidas sobre o rumo que a história poderia tomar sem a influente atriz nas continuações. Com isso, Rian Johnson e Kathleen Kennedy ficaram cercados 

Star Wars: A Vingança dos Sith

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

Após 2 filmes com um excessivo uso de CGI e também de histórias fracas, a conclusão da segunda trilogia que culminaria no final do filme a existência do vilão Darth Vader merece ser bastante aclamada. Com lutas memoráveis e acrobacias polêmicas, o corrompimento de Anakin Skywalker para o lado negro da força é grandioso e serve de base para o que amamos até hoje entre a luta do bem e o mal.

Star Wars: O império Contra-Ataca

(Foto: Divulgação - Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

(Foto: Divulgação – Star Wars / Disney Company / Lucas Film Ltda ©)

Um marco na franquia e na cultura pop, um poderio impressionante de um dos maiores e mais populares vilões da da história do cinema, Darth Vader. No final, um filme memorável e também polêmico para a época, após uma árdua batalha, o vilão da franquia acabou se revelando em uma cena memorável o pai do protagonista.

O que acharam da lista? Deixem a opinião e a lista com melhores de vocês nos comentários! Ah, e que a força esteja com vocês!


SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK:  facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:  twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM:  instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE:  www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

TEEKCAST #42 | Vingadores: Guerra Infinita – O que achamos do filme

DON GIOVANNI RESPONDE ESPECIAL | Como salvar o Universo DC nos cinemas?

PANTERA NEGRA | Originalmente diretor queria Kraven, o caçador como um dos vilões

TOKYO GHOUL: RE | A ascensão de Kaneki pode estar próxima no 6º episódio? (SPOILERS)

DC UNIVERSE | Warner oficializa o novo serviço de streaming da DC!


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

Continue lendo

Listas

TRIP LISTA | Imaginamos o elenco dos sonhos para um filme do Preacher

Publicado

em

Na Trip Lista de hoje, vamos ressuscitar uma divertida brincadeira da saudosa revista Wizard, que mexia com a nossa imaginação e promovia acalorados debates entre os fãs de histórias em quadrinhos.

Imaginem se tivéssemos a difícil tarefa de escalar o elenco dos nossos sonhos, para estrelar grandes produções cinematográficas, sem limite de cachê, ou orçamento. Nosso única limitação, seria nossa própria imaginação.

Dito isso, vamos imaginar o inimaginável…

Para começar nosso “time dos sonhos”, vamos pensar quais seriam as melhores escolhas para o elenco de…

PREACHER

 

Esqueça a confusa série de TV, nossas escolhas serão totalmente baseadas nas excelentes histórias produzidas pela genial dupla Garth Ennis e Steve Dillon, que revolucionaram os quadrinhos nos anos 90, apresentando personagens diferentes, carismáticos e extremamente divertidos.

 

JESSE CUSTER

 

Achar um ator que consiga dar vida de forma correta, ao personagem mais durão da cultura pop não é fácil. Precisamos de um ator que consiga passar toda coragem, bravura e teimosia, peculiares ao reverendo mais descolado de todos os tempos. Um cowboy urbano, que tem ferro correndo em suas veias. Para essa difícil tarefa, escolhemos o Justiceiro definitivo, Jon Bernthal. Após o tremendo sucesso da série “O Justiceiro”, ficou claro que Bernthal tem as ferramentas necessárias para dar vida ao “peregrino”.

TULIPA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Inteligente, esperta, linda e perigosa, para interpretar a alma gêmea do reverendo Jesse Custer, precisamos de uma atriz que consiga dar profundidade ao papel, mostrando todas as facetas desta incrível personagem. Para o trabalho, escalamos a indicada ao Oscar de melhor atriz, Margot Robbie. Robbie já provou que é muito mais que um rosto bonito e certamente sua visão de Tulipa, agradaria boa parte dos fãs dos quadrinhos.

 

CASSIDY

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para nosso amado e odiado vampiro beberrão, o polivalente Jared Leto certamente nos surpreenderia (de forma positiva) com sua performance. Apesar de criticado recentemente por sua interpretação de sinistro palhaço do crime, em Esquadrão Suicida, Leto é um ótimo ator e merece se redimir com os fãs da DC Comics, mesmo que seja dando vida a outro personagem. Leto é famoso por suas mudanças físicas e sua completa entrega e dedicação durante as filmagens, além disso, ele tem a loucura necessária para viver o morto-vivo sacana, invejoso e melhor amigo do reverendo Custer.

 

STARR

 

Para viver o vilão que amamos odiar, precisamos de um ator multifacetado, capaz de nos causar o mais profundo medo e logo em seguida, colocar um grande sorriso em nosso rosto. Isso é um trabalho para Kevin Spacey. Spacey, daria um ótimo Herr Starr e seu olhar cínico e debochado, cairiam perfeitamente bem na construção do arqui-inimigo do “bom Pastor”.

 

SANTOS DOS ASSASSINOS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para viver o mal encarnado, precisamos de um ator que tenha um olhar petrificado e que cause calafrios apenas com sua presença. Arnold Schwarzenegger é o nome para esse “cargo”. Com sua imponência física e sua personalidade marcante “Big Arnie” ficaria amedrontador na pele do Cowboy que virou santo.

 

Para dirigir esse Western urbano, nos convocamos os competentes e intrépidos “Irmãos Coen”. Responsáveis por sucessos como “Bravura Indômita”, Fargo e “Onde os fracos não tem vez”, Joel e Ethan Coen, possuem um estilo áspero, seco e verdadeiro e certamente conseguiriam adaptar de forma eficiente a saga de Western religioso, repleta de violência, bizarrices e humor negro.

E você?
Gostou do nosso “elenco”?
Pensou em algum mais interessante?
Deixe nos comentários…

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

HOTEL TRANSILVÂNIA 3 | Animação ganha inédito trailer!

TEEKCAST #38 | Framboesa de Ouro 2018: O pior dos piores na cultura nerd!

SONIC | Sega provoca os fãs com teaser do próximo game do Ouriço mais rápido do mundo

RADIANT | Confira o primeiro trailer da adaptação do mangá francês para anime


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

Continue lendo

Listas

TRIP LISTA | Quem você gostaria que substituísse Daniel Craig na franquia 007?

Publicado

em

Aparentemente, o 25º filme do agente com licença para matar, deve ser o último filme de Daniel Craig como 007. Provavelmente o filme será dirigido por Danny Boyle e se tudo correr bem, sua estreia prevista é para 2019.

Para o 26º filme da franquia, certamente teremos um novo James Bond, já que Daniel Craig deixou claro que não pretende continuar vivendo o famoso agente secreto. Inúmeros atores de renome, já foram cotados para substituir Craig, o que não será fácil, pois o ator é considerado por muitos, um dos melhores 007 de todos os tempos.

Para colocar lenha na fogueira e atiçar a imaginação de vocês, resolvemos listar os melhores candidatos ao posto de James Bond e perguntar…

QUEM PODERIA SUBSTITUIR DANIEL CRAIG COMO NOVO 007?

 

7º) Tom Hiddleston

 

O ator britânico mundialmente famoso pelo personagem Loki e embaixador da UNICEF no Reino Unido, tem todos os requisitos para se tornar o novo Bond. Além de ótimo ator, Hiddleston tem o charme e a elegância necessárias para dar vida ao agente, mantendo um estilo clássico, muito parecido com o do mestre Sean Connery.

 

6º) Benedict Cumberbatch

 

Por falar em clássico, nosso Doutor Estranho daria um 007 para ninguém botar defeito. Um dos mais competentes e elegantes atores de sua geração, o também britânico Benedict Cumberbatch é um verdadeiro gentleman e sua escolha seria acertadamente uma volta ao estilo clássico do personagem.

 

5º) Michael Fassbender

 

O ator com duas indicações ao Oscar e eterno Magneto, tem as capacidades físicas e interpretativas apropriadas para dar continuidade ao estilo explosivo de Daniel Craig. Moderno, elegante e intenso, Fassbender poderia passear pelas duas vertentes, remetendo ao clássico, mas cravando os pés na modernidade implantada pelo atual James Bond.

 

 

4º) Hugh Jackman

 

Pense em um herói…Nosso velho canadense pode fazer qualquer um que vier a sua cabeça. A versatilidade do ator canadense de 49 anos é surpreendente. Seja em musicais, comedias românticas, drama, ou filmes da ação, Jackman se tornou um dos atores mais versáteis da atualidade. Elegante, físico e completamente visceral, nosso quarto colocado seria uma aposta certeira e tranquilizadora para os produtores e os fãs do personagem.

 

 

3°) Idris Elba

 

Ator, diretor, DJ e guardião da ponte do arco-iris, o ótimo ator Idris Elba, volta e meia é apontado como um dos possíveis atores a encarnar o novo 007. Confesso que seria na minha opinião uma das melhores escolhas, para dar uma guinada na franquia do personagem e fazer história apresentando o primeiro James Bond Negro do cinema. Modernidade e representatividade caminhando lado a lado. Alguém duvida que seria uma ótima escolha?

 

 

2º) Gal Gadot

 

Se a palavra é modernizar, eu ficaria mega feliz em ver uma mulher, encarnar o sedutor agente pegador e nossa Mulher Maravilha definitiva, tem todos os atributos para dar vida a versão mais inusitada de 007 de todos os tempos. Forte, inteligente, carismática, sexy e extremamente competente, Gadot conferiria um ar hiper elegante ao personagem, quebrando paradigmas e fazendo história.

 

 

1º) Mahershala Ali

 

Que me desculpem todos os concorrentes, mas ninguém fica mais elegante em um smoking do que Mahershala Ali. O fascinante e competente ator, vencedor do Oscar de melhor ator coadjuvante pelo filme Moonlight (2017) que deu vida de forma impecável a Cornell Cottonmouth Stokes, na série Luke Cage, é a melhor escolha entre todos os possíveis candidatos. Moderno, inteligente, charmoso e carismático, Ali a exemplo de Idris Elba, revolucionaria a franquia do agente secreto, atualizando o personagem para os novos tempos, mas mantendo seu estilo elegante e sedutor, que são marcas registradas do herói.

 

E você?
Quem você gostaria que fosse o novo 007?

 

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK:  facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:  twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM:  instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE:  www.nerdtrip.com.br

Confira também:

DRAGON BALL SUPER | Prefeito quer exibir episódio 130 para o público

SWORD ART ONLINE | Trailer revela novidades sobre DLCs do jogo

JESSICA JONES | Descubra onde Stan Lee aparece na segunda temporada

 

Continue lendo
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Advertisement

Mais lidos da semana

%d blogueiros gostam disto: