Games

ESPECIAL BGS | Testamos Star Wars VR ! Assista ao vídeo!

E na última Brasil Game Show que ocorreu no começo deste mês tive a oprtunidade de experimentar pela primeira vez os tais óculos VR e de cara jogando um game de uma de minhas franquias favoritas.Uma atendente chamada Sara, muita simpática, ajustou o equipamento em minha cabeça, e assim que me vi em um planeta desértico (provavelmente Tatooine), confesso que senti uma certa vertigem. Porém, não deve ter durado nem 20 segundos e rapidamente eu estava ambientado ao cenário virtual. 
 
A acústica estava perfeita. Eu ouvia sons que aparentemente vinha de trás de mim, e em seguida eu via Ties imperiais passando sobre minha cabeça e indo em frente em direção ao horizonte. Em seguida, á minha direita, ouço um ruído mais alto à minha direita e ao olhar para cima vejo a Millenium Falcon prestes a pousar ao meu lado.
  
Orientado por Sara, percebo que ao olhar para o chão é possível enxergar uma circunferência luminosa dentro da qual eu estou. Ela me diz que se permanecer dentro da linha, não há perigo de me chocar com objetos reais dentro do estande. Mais tarde, ao assistir ao vídeo, percebo que que há também um rapaz segurando a fiação que sai dos óculos e do fone para que eu não me enrole neles ou tropece. 
 
Após o pouso da Millenium Falcon, uma rampa é baixada e por ela desliza o andróide R2-D2 até o solo. Uma espécie de torre de comandos também é baixada e recebo intruções (em inglês) sobre como proceder e quais botões apertar utilizando o controle que me foi dado. A interação é fácil e simples. Rapidamente consigo executar todos os procedimentos.
  
Em seguida, da cabeça de R2 surge o cabo de um sabre de luz e ao encostar o controle no mesmo, ele passa para minha mão. Há um botão para ligar e desligar o sabre. Tudo bastante realista. 
 
Stormtroopers começam a surgir entre as montanhas ao longe. Eles se escondem atrás de pedras e começam a atirar em mim. Não há confronto direto nesta fase do jogo. Tudo que me é possível fazer é desviar os tiros com o sabre e, depois de alguns momentos me familiarizando com a jogabilidade, fazer com que os disparos rebatam de volta a meus oponentes. Consegui derrubar um ou dois stormtroopers nessa brincadeira. 
 
E foi só isso que aproveitar nos 5 minutos em que pude utilizar o equipamento. Tive uma ótima impressão inicial, e fiquei curioso por conhecer mais do jogo, sobre combates mais diretos e interações mais objetivas com outros personagens. Pilotar veículos também deve ser uma experiência fantástica no jogo, principalmente naves de combate. Eu particularmente gostaria de pilotar uma Tie imperial. Abaixo, o vídeo mostrando minha experiência: 
 
 
 
 
Gravação: Isis Cavalheiro
Edição: Jorge Obelix
 
 
 

Sobre o autor

Jorge Obelix

Jorge Obelix. Ancião do grupo, com milhares de anos de idade. Fã da DC Comics e maior conhecedor de Crise nas Infinitas Terras e Era de Prata do Universo. Grande fã de Nicholas Cage que acha que um filme sem ele nem pode ser considerado filme. Fã de Jeff Goldblum também, e seu maior sonho é ver ambos (Cage e Goldblum) contracenando.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta ...

%d blogueiros gostam disto: