Connect with us

Games

ESPECIAL BGS | Testamos Star Wars VR ! Assista ao vídeo!

Published

on

E na última Brasil Game Show que ocorreu no começo deste mês tive a oprtunidade de experimentar pela primeira vez os tais óculos VR e de cara jogando um game de uma de minhas franquias favoritas.Uma atendente chamada Sara, muita simpática, ajustou o equipamento em minha cabeça, e assim que me vi em um planeta desértico (provavelmente Tatooine), confesso que senti uma certa vertigem. Porém, não deve ter durado nem 20 segundos e rapidamente eu estava ambientado ao cenário virtual. 
 
A acústica estava perfeita. Eu ouvia sons que aparentemente vinha de trás de mim, e em seguida eu via Ties imperiais passando sobre minha cabeça e indo em frente em direção ao horizonte. Em seguida, á minha direita, ouço um ruído mais alto à minha direita e ao olhar para cima vejo a Millenium Falcon prestes a pousar ao meu lado.
  
Orientado por Sara, percebo que ao olhar para o chão é possível enxergar uma circunferência luminosa dentro da qual eu estou. Ela me diz que se permanecer dentro da linha, não há perigo de me chocar com objetos reais dentro do estande. Mais tarde, ao assistir ao vídeo, percebo que que há também um rapaz segurando a fiação que sai dos óculos e do fone para que eu não me enrole neles ou tropece. 
 
Após o pouso da Millenium Falcon, uma rampa é baixada e por ela desliza o andróide R2-D2 até o solo. Uma espécie de torre de comandos também é baixada e recebo intruções (em inglês) sobre como proceder e quais botões apertar utilizando o controle que me foi dado. A interação é fácil e simples. Rapidamente consigo executar todos os procedimentos.
  
Em seguida, da cabeça de R2 surge o cabo de um sabre de luz e ao encostar o controle no mesmo, ele passa para minha mão. Há um botão para ligar e desligar o sabre. Tudo bastante realista. 
 
Stormtroopers começam a surgir entre as montanhas ao longe. Eles se escondem atrás de pedras e começam a atirar em mim. Não há confronto direto nesta fase do jogo. Tudo que me é possível fazer é desviar os tiros com o sabre e, depois de alguns momentos me familiarizando com a jogabilidade, fazer com que os disparos rebatam de volta a meus oponentes. Consegui derrubar um ou dois stormtroopers nessa brincadeira. 
 
E foi só isso que aproveitar nos 5 minutos em que pude utilizar o equipamento. Tive uma ótima impressão inicial, e fiquei curioso por conhecer mais do jogo, sobre combates mais diretos e interações mais objetivas com outros personagens. Pilotar veículos também deve ser uma experiência fantástica no jogo, principalmente naves de combate. Eu particularmente gostaria de pilotar uma Tie imperial. Abaixo, o vídeo mostrando minha experiência: 
 
 
 
 
Gravação: Isis Cavalheiro
Edição: Jorge Obelix
 
 
 

Jorge Obelix. Ancião do grupo, com milhares de anos de idade. Fã da DC Comics e maior conhecedor de Crise nas Infinitas Terras e Era de Prata do Universo. Grande fã de Nicholas Cage que acha que um filme sem ele nem pode ser considerado filme. Fã de Jeff Goldblum também, e seu maior sonho é ver ambos (Cage e Goldblum) contracenando.

1 Comment

Deixe uma resposta ...

Games

BGS 2017 | Ed Boon diz que DC Universe vs. Mortal Kombat não deve ter continuação

Published

on

Em uma entrevista concedida no palco da Microsoft, Ed Boon respondeu a várias perguntas dos apresentadores e do público em geral.

O criador de Mortal Kombat e também produtor da franquia de sucesso Injustice foi um exemplo de carisma e bom humor, sempre elogiando o povo brasileiro e exaltando como as pessoas aqui são mais calorosas.

Resultado de imagem para ed boon bgs 2017

Quando foi perguntado se podemos esperar por um DC Universe vs. Mortal Kombat 2, Ed Boon foi enfático “Não. O jogo foi um sucesso, mas percebemos que existe campo pras duas franquias crescerem separadamente”.

E você? Acha que ele está certo, ou uma continuação seria bem vinda? Deixe sua opinião aqui no Nerdtrip.

Continue Reading

Games

DEAD SPACE | Embarque em um clássico que ainda é a principal analogia à palavra desespero

Published

on

O pior câncer da humanidade é o da ignorância. Ela que se opõe ao conhecimento e gera a criação de falsos mitos, “profetas”, que por muitas vezes na história, buscam de algo “divino” e estão apenas encontrando sua própria danação. Com a ignorância vem a arrogância, e na maioria das vezes com ela vem o erro, ou os erros.

O protagonista, só em um mundo de desespero

O protagonista, só em um mundo de desespero

Essa pequena introdução (simples, porém precisa), vai exatamente na direção do assunto que iremos falar hoje. A religião pode ser a salvação para uma pessoa (quando bem usada), porém quando (o que ocorre na maioria das vezes) o que acontece é o oposto, as consequências vem em ondas, fracas ou fortes, mas cobrando os resultados. O que você planta, você colhe, e quando o que você planta não era bem o que tinha planejado, pela sua falta de conhecimento, isso muda todo o contexto.

Pode parecer até simplista mas essa é toda a premissa de um jogo que foi lançado há nove anos. Trazendo suspense, horror em doses cavalares, e também um pouco de romance, mas pintado de maneira trágica, e põe trágica nisso, Dead Space (EA/Visceral Games, Multi, 2009) trouxe um universo de pesadelo, sem nenhuma esperança (o que virou a marca registrada da série nos jogos seguintes).

Atestado de competência da produtora, Dead Space se tornou para todos os gamers, o motivo de que a Eletronic Arts tem de ser respeitada (por essa e por várias séries de sucesso). Conta a história de um especialista em naves espaciais e engenheiro chamado Isaac Clarke (qualquer referência a Isaac Asimov e Arthur C. Clarke, escritor sci-fi famoso, pode ser uma homenagem) que a pedido de sua namorada Nicole Brennan, uma especialista médica, viesse com sua equipe prestar socorro a nave cargueira USG Ishimura, tudo documentado em uma misteriosa videomensagem que sugeria que as coisas não iam bem.

Gráficos até hoje impressionantes

Gráficos até hoje impressionantes

Para a tarefa, Isaac não veio sozinho. Com uma equipe de 5 especialistas na USG Kellion, os pilotos Chen e Johnston, a especialista em computadores Kendra Daniels e o comandante e especialista em segurança Zach Hammond. Logo a tarefa prova-se um desafio quando a Kellion é pega no cinturão de asteróides da órbita de Aegis VII (qualquer semelhança com a dengue não deve ser mera coincidência) e acaba sendo obrigada a um pouso forçado. E é ai dentro da Ishimura que o inferno começa. Enquanto Isaac tentava fazer com que alguns instrumentos fossem religados, uma criatura feita de mortos com garras afiadíssimas ceifa as vidas de Chen e Johnston, e por muito pouco não leva os outros especialistas, começa ai uma corrida pela vida, de maneira desesperada, sem descanso e em busca de respostas, pois como eu disse, ignorância nesse jogo, tá longe de ser uma coisa boa.

Misturando conspiração governamental ao melhor estilo Alien, paranóia religiosa (como em Resident Evil 4 e Outlast 2) e criaturas, os Necromorphs, mortos putrefatos e decompostos com apêndices afiados e que te matam em segundos, Dead Space acertou em cheio ao trazer para o mundo dos jogos de Survival, se não a adição de algo novo como o espaço, também uma história cheia de reviravoltas e aquela máxima de que nós seres humanos muitas vezes pela ânsia de chegar a algo divino, acabamos por tentar nos enganar, achando por exemplo, que um pedaço de latão é ouro. E por isso acabamos por nos trazer não a salvação, mas a ruína.

 

Continue Reading

Games

THE EVIL WITHIN 2 | Confira o trailer oficial de lançamento do game!

Published

on

Está cada vez mais próxima a data de lançamento oficial de um dos games mais aguardados do ano. The Evil Within 2 promete ser um dos salvadores do gênero survivor horror e chegará na próxima sexta-feira 13. Para celebrar seu lançamento a Bethesda disponibilizou o trailer oficial de lançamento do game.

Em The Evil Within 2, Sebastian Castellanos precisará, mais uma vez, enfrentar horrores dos mais variados tipos dentro do pesadelo criado pelo STEM. Dessa vez, no entanto, a missão de Sebastian é pessoal: ele está procurando por Lily, sua filha, que ele pensou ter perdido muitos anos atrás. E agora tudo se tornou uma corrida contra o tempo enquanto o mundo desmorona em sua volta. Sebastian precisa resgatar Lily antes que tudo se desfaça e eles fiquem perdidos de vez no STEM.

Confira o trailer:

Não fosse enfrentar apenas as criaturas bizarras que vagam pelas ruas de Union que Sebastian precisa enfrentar em sua procura por Lily, STEM é um mundo que pode ser moldado de acordo com a vontade de alguns indivíduos particularmente perturbados. E o horror verdadeiro são os monstros humanos que nele habitam, como o perverso fotógrafo Stefano e o padre Theodore, ambos tentando distorcer mais ainda o enfraquecido sistema de acordo com suas vontades.

Mergulhe mais uma vez na sequência do jogo de Survival Horror mais falado em 2014 que saiu da brilhante mente de Shinji Mikami. Encare criaturas perversas em ambientes terríveis e enfrente seus piores pesadelos enquanto corre contra o tempo para salvar sua filha.

The Evil Within 2 será lançado mundialmente na sexta-feira 13 de outubro, para PlayStation4, Xbox One e PC e tem classificação indicativa para maiores de 18 anos. Para mais informações sobre o jogo, visite www.TheEvilWithin.com

Você está pronto para voltar ao pesadelo? Conseguirá encontrar Lily antes que Stefano e Theodore destruam o mundo?

 

Continue Reading

Mais lidos da semana

Copyright © 2017 Nerdtrip. Theme by GNTK Inc., powered by Gancarteek.

%d blogueiros gostam disto: