Connect with us

Listas

TRIP LISTAS | 21 filmes para o Dia dos Namorados!

Published

on

No dia 12 junho é comemorado o famoso dia dos namorados no Brasil, uma data que para uns é inesquecível e para outros (os meros solteiros mortais) esquecível. Entretanto, mesmo que você não tenha conquistado aquele seu amor que você conversa todos os dias ou se você já conquistou finalmente este amor, você pode entender pelos filmes um pouco deste tom romântico nos quais são uma boa pedida para você alcançar aquela paixão máxima com o seu par perfeito.

Mesmo que os filmes indicados não tenham em sua maioria um final feliz, a essência do amor e paixão são coisas diferentes e elas são mostradas com bons significados, pois o amor não é único, o amor não tem razão, o amor também não tem respostas, o amor acontece e, nesse caso, com finais nem sempre convencionais, mas apaixonantes, nos quais na vida real e na sétima arte teremos sempre que correr atrás do nosso grande amor.

Confira a lista que está sem numeração e ordem com os melhores, as posições são aleatórias e o que foi escolhido é somente os 21 filmes românticos que você pode acompanhar nesta data de grande amor:

Amor sem Escalas

Não é todo o dia que podemos assistir George Clooney se apaixonando nas telas do cinema. Com um ótimo elenco e um plano de fundo baseado na crise financeira norte-americana, o filme de Jason Reitman é extremamente cativante e rende grandes risada e duvidas entre o verdadeiro significado do amor entre os personagens, chegamos a ficar com dó de Clooney em algumas partes do filme.

Entre o Amor e a Paixão

Margot (Michelle Williams) é casada com Tom (Seth Rogen) e um dia em um voo conhece Daniel (Luke Kirby), seu vizinh,o e começam a sentir uma atração inexplicável. O difícil no filme é que nós torcemos pelos três personagens, pois cada um deles, na sua verdade, são corretos, íntegros e merecem ser felizes.

Ponto alto para a interpretação de Michelle Willians que se entrega totalmente como Margot e preste atenção em uma passagem de tempo que acontece em sua casa e que é um momento lindo. Um filme nota 10.

500 Dias com Ela

No filme, é contado os 500 dias de amor (ou não) de Tom e Summer alternando os momentos maravilhosos e outros nem tão bons assim, pois Tom (Joseph Gordon-Levitt) é um romântico e Summer (Zooey Deschanel) não acredita na existência do amor.

Com uma trilha sonora encantadora e com o ótimo carisma dos protagonistas, 500 Dias Com Ela vai ficar um bom tempo na sua memória, principalmente por mostrar o “amor” de uma forma bem realista e uma boa sacada do filme é quando a tela se divide em Realidade e Expectativa.

Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças

O que aconteceria se você quisesse apagar da memória a pessoa amada com as brigas e o romance que tiveram? E é isso o que acontece com Joel (Jim Carrey) depois que descobre que sua ex Clementine (Kate Winslet) fez isso com ele.

O filme com uma história super inusitada surpreende com a química perfeita entre Jim Carrey e Kate Winslet, quando terminamos de vê-lo percebemos que o amor com todas as suas idas e vindas, é uma coisa que se eterniza não importando se houve sofrimento ou não.

O Segredo de Brokeback Mountain

A história dos cowboys que se apaixonam cativou o mundo inteiro pelo drama do amor que não podia ser falado, dói demais ver Ennis Del Mar (Heath Ledger) sofrendo pela sua condição por amar Jack Twist (Jack Gyllenhaal) e principalmente pela dor de nunca poder assumir aquele sentimento que lhe é tão estranho.

Com fotografia e trilha sonora exuberante o filme nos convida a nos aproximarmos dessa pequena obra prima que nos mostra que o amor é universal.

Questão de Tempo

Na trama, Tim (Domhnall Gleeson) faz parte de uma família em que todos os homens são capazes de fazer viagens ao passado a partir dos 21 anos. Depois que descobre essa habilidade, ele tenta aproveitar melhor as oportunidades perdidas e se propõe a conseguir uma namorada.

O roteiro abusa deste dom do protagonista para criar situações inusitadas e engraçadas, principalmente quando ele conhece Mary (Rachel McAdams) e se apaixona perdidamente por ela. Mais do que um filme centrado no romance entre os dois personagens principais, Questão de Tempo constrói uma história de amor pelas situações simples da vida a que não damos tanta atenção. Ele ressalta os momentos com a família e as escolhas que fazemos conforme as viagens no tempo ficam mais importantes para Tim. O longa ainda tem Margot Robbie e Bill Nighy, com uma atuações fantásticas do elenco.

Ela

Ela é um dos longas mais criativos dos últimos anos, tanto que ganhou a estatueta de Melhor Roteiro Original no Oscar de 2014. A trama acompanha Theodore (Joaquin Phoenix), um homem que se sente sozinho e depressivo após o término do seu casamento com Catherine (Rooney Mara).

Ele decide começar a usar um sistema operacional que simula uma companhia e tem a voz sedutora de Scarlett Johansson, mas acaba se apaixonando pela inteligência artificial. O diretor Spike Jonze consegue misturar uma estética futurista das ambientações e da tecnologia usada pelos personagens ao mesmo tempo em que cria um figurino vintage. Além da qualidade de atuação dos artistas, o longa ainda tem aspectos técnicos excelentes, como as fotografia e trilha sonora, principalmente por causa de The Moon Song, canção original composta por Karen O, da banda Yeah Yeah Yeahs.

Um Lugar Chamado Notting Hill 

Quem não sonha em conhecer aquele astro do cinema por quem tem uma queda? É em cima dessa fantasia de homens e mulheres que toda a história de Notting Hill é construída. Hugh Grant (e a sua cara de inglês desajeitado) derruba suco na maior estrela de cinema do mundo e aí nasce um romance repleto de humor inglês.

Para melhorar, Julia Roberts fala uma das frases que já entrou no rol das mais fofas em diálogos românticos: — “After all… I’m just a girl, standing in front of a boy, asking him to love her.”

Uma Linda Mulher

Nesta clássica comédia romântica dos anos 1990, o magnata perdido (Richard Gere) pede ajuda a uma prostituta (Julia Roberts) e acaba contratando-a por uma semana. Ela se transforma em uma elegante jovem para poder acompanhá-lo em seus compromissos sociais, mas os dois começam a se envolver de verdade.

Julia Roberts chegou a ser indicada ao Oscar de melhor atriz e venceu o Globo de Ouro da categoria. Atenção para a trilha sonora embalada pela canção Oh Pretty Woman.

Como se Fosse a Primeira Vez 

Henry (Adam Sandler) é um veterinário, que vive no Havaí e é famoso pelo número de turistas que conquista. Seu novo alvo é Lucy (Drew Barrymore). Porém há um problema, ela sofre de memória de curto prazo, com isso, Henry é obrigado a conquistá-la, dia após dia, para ficar ao seu lado. O filme é realmente adorável.

A história é ótima e a química entre Sandler e Barrymore compensa as “piadas de mau gosto” que tentam, sem sucesso, tirar os méritos do filme. A trilha sonora possui versões cover de obras dos anos 80, deixando a obra ainda mais atrativa.

Sentidos do Amor

 

Na trama, uma cientista especialista em epidemias e um chef de cozinha (ambos vivendo na Inglaterra) começam a escrever uma história de amor após os traumas no passado de cada um deles. Porém, como prova dessa união, enfrentarão uma epidemia de escala global: as pessoas estão perdendo, um por um, os sentidos levando todos ao colapso de suas emoções. Será que esse amor é mais forte que tudo?

Acompanhamos a história sob a ótica dos amantes Michael e Susan (Ewan McGregor e Eva Green). Assim que perdem o primeiro dos sentidos, mudanças ocorrem nas suas vidas. Oportunidades de conhecer novas coisas também, a cena na banheira onde comem creme de barbear e um sabonete exemplifica bem essa teoria. Conforme a raiva (sentimento que é uma espécie de interseção entre as perdas de sentido) chega, o casal apaixonado sabe que mais um sentido foi perdido e tem que recomeçar de novo, aprendendo novas maneiras de se viver.A reflexão quando termina a fita é a prova que o filme toca em pontos importantes e de tamanho interesse pelo público.Não deixem de conferir a saga amorosa desses dois corações, aprendendo a viver num mundo sem sentido.

Aconteceu Naquela Noite 

A clássica comédia romântica de Frank Capra com Clark Gable e Claudette Colbert foi lançada em 1934. Na história, um jornalista desempregado encontra a filha de um milionário que fugiu porque seu pai não aprova quem ela escolheu como marido. Essa parece ser a oportunidade de obter uma boa matéria, ou se apaixonar.

Noivo Neurótico, Noiva Nervosa 

Jogando sobre os opostos se atraem, o filme oferece entretenimento, risadas e uma qualidade digna de quatro Oscars. Woody Allen entrega um humor devastador e surpreende os espectadores com um dos melhores desfechos do cinema.

O Diário de Bridget Jones 

Como falar em comédias românticas e não lembrar de uma solteirona atrapalhada chamada Bridget Jones? Seus péssimos discursos públicos e seu comportamento inapropriado ganharam o coração de dois galãs ingleses. Renée Zellweger foi fundamental para o sucesso do filme.

P.S Eu Te Amo 

Holly Kennedy (Hilary Swank) é casada com Gerry (Gerard Butler), um engraçado irlandês por quem é completamente apaixonada. Quando Gerry morre, a vida de Holly também acaba. Em profunda depressão, ela descobre com surpresa que o marido deixou diversas cartas que buscam guiá-la no caminho da recuperação.

P.S.Eu te Amo rapidamente se tornou cultuado por plateias de todo o mundo. A história une amor e humor em doses certas, além disso, premia o espectador com personagens cativantes. Hilary Swank e Gerard Butler são os protagonistas do filme que também apresenta uma boa dose de drama em seu enredo. Ele mostra a profunda depressão de Holly após a morte do marido, mas logo ela descobre a surpresa que ele deixou: diversas cartas para guiá-la no caminho da recuperação.

Cartas para Julieta 

O filme arranca suspiros por seu belo cenário e pela história encantadora. Na trama, a personagem de Amanda Seyfried viaja para Verona e acaba ajudando uma senhora a encontrar o grande amor de sua vida, através do grupo chamado “Secretárias da Julieta”.

Casablanca (1942)

Além de ser o maior clássico do gênero, Casablanca é obrigatório em toda lista dos maiores filmes de todos os tempos. Durante a Segunda Guerra Mundial, muitos fugitivos tentam escapar dos nazistas por uma rota que passava pela cidade de Casablanca, no Marrocos.

O exilado americano Rick Blaine (Humphrey Bogard), dirige uma das principais casas noturnas da região, e clandestinamente, ajuda os refugiados a fugir para os Estados Unidos. Quando um casal precisa de sua ajuda, ele reencontra Ilsa Lund (Ingrid Bergman). Assim eles reviver uma grande paixão que havia ficado no passado. O filme venceu o Oscar de melhor filme, diretor e roteiro, e imortalizou a canção “As Times Goes By”.

Ghost : Do outro Lado da Vida 

 

O que falar de um dos filmes mais amados da história do cinema. Ghost fala de uma história de amor que ultrapassa a existência. Sam (Patrick Swayze) e Molly (Demi Moore) formam um casal apaixonado e que tem suas vidas destruídas depois de Sam ser morto em uma tentativa de assalto. 

No entanto, seu espírito não vai para o outro plano e decide ajudar Molly, pois ela corre o risco de morte. Para poder se comunicar com Molly, ele utiliza Oda Mae Brown (Whoopi Goldberg), uma médium trambiqueira. O filme possui cenas memoráveis, a excepcional atuação de Whoopi Goldberg (premiada com o Oscar de melhor atriz coadjuvante) e uma canção inesquecível, a regravação de Unchained Melody. 

De Repente é Amor

Oliver (Ashton Kutcher) e Emily (Amanda Peet) se conhecem em um vôo que cruza os Estados Unidos. Ele é um recém-formado que procura seguir um cronograma rígido para sua vida, de forma que consiga alcançar o sucesso profissional o mais rapidamente possível e também encontrar o amor de sua vida.

Já ela é espontânea e indisciplinada, do tipo que prefere ver aonde a vida leva ao invés de fazer planos para o futuro. Oliver e Emily imediatamente sentem atração um pelo outro, mas as características de ambos são incompatíveis. Durante os 7 anos seguintes eles se encontram periodicamente, mas tudo parece conspirar para que eles sempre estejam separados.

Diário de Uma Paixão

 

Numa clínica geriátrica, Duke, um dos internos que relativamente está bem, lê para uma interna (com um quadro mais grave) a história de Allie Hamilton (Rachel McAdams) e Noah Calhoun (Ryan Gosling), dois jovens enamorados que em 1940 se conheceram num parque de diversões. Eles foram separados pelos pais dela, que nunca aprovaram o namoro, pois Noah era um trabalhador braçal e oriundo de uma família sem recursos financeiros. Para evitar qualquer aproximação, os pais de Alie a mandam para longe. 

Por um ano Noah escreveu para Allie todos os dias mas não obteve resposta, pois a mãe (Joan Allen) dela interceptava as cartas de Noah para a filha. Crendo que Allie não estava mais interessada nele, Noah escreveu uma carta de despedida e tentou se conformar. Alie esperava notícias de Noah, mas após 7 anos desistiu de esperar ao conhecer um charmoso oficial, Lon Hammond Jr. (James Marsden), que serviu na 2ª Grande Guerra (assim como Noah) e pertencia a uma família muito rica. Ele pede a mão de Allie, que aceita, mas o destino a faria se reencontrar com Noah. Como seu amor por ele ainda existia e era recíproco, ela precisa escolher entre o noivo e seu primeiro amor.

A Vida dos Peixes

 

A trama fala basicamente sobre um reencontro de dois eternos namorados, em uma festa rodeada de passado e indefinição sobre o futuro. O filme não toma tendências, o que é ótimo, os atores tem uma harmonia comparável, sem dúvidas. Matías Bize (que dirigiu o intenso “Na Cama”) é o comandante desse grande filme. O diretor enriquece a fita com detalhes e ótima movimentação da sua inteligente câmera. No elenco dois atores que se completam muito bem em cena: Santiago Cabrera e Blanca Lewin dão vida aos personagens que comovem o público com suas incertezas e desejos evidentes um pelo outro. 

A trilha sonora é uma crítica à parte. Algo maravilhoso, preenche cada lacuna daquele especial momento na vida dos corações apaixonados. Créditos para Diego Fontecilla que assina essa obra de arte musical. Você sairá do cinema correndo para o computador mais próximo querendo acessar o famoso site de vídeos para ouvir novamente alguma das belas canções apresentadas nessa filme. Extremamente recomendado! E você que não gosta de cinema sem ser o “americano”, larga esse preconceito bobo e vá ver filme latinos, sempre achamos bons trabalhos, está cada dia melhor!

O que acharam da lista, faltou algum filme romântico? Quais são os seus preferidos desta lista? Não esqueça de deixar sua opinião nos comentários abaixo!!!

Editor-Chefe do Nerdtrip e Professor de Biologia e Educação Física Escolar.
Amante de Animações, Seriados, Games, Ficção, Mundo Mágico, HQs e lunático pela 7º Arte.
Entendedor de Oscar e outras premiações frescurites que ninguém liga e repara nos filmes (aqueles detalhes bobos).
Ama a ‘Trindade’ que é conhecida nos 7 cantos do mundo e nas horas vagas escuta aquela música eletrônica para ficar na vibe ou curte também aquele bom e velho rock’n’roll.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta ...

Listas

GLOBO DE OURO 2018 | Revelada lista completa de indicados ao 2º prêmio mais cobiçado da 7º arte!

Published

on

A Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood divulgou a lista de indicados ao Globo de Ouro 2018. A cerimônia de premiação está marcada para o dia 7 de janeiro de 2018, com apresentação de Seth Myers.

Confira a lista completa:

CINEMA

Melhor filme dramático

“Me chame pelo seu nome”

“Dunkirk”

“The post”

“A forma da água”

“Três anúncios para um crime”

Melhor ator em filme dramático

Timothée Chalamet, “Me chame pelo seu nome”

Daniel Day Lewis, “Trama fantasma”

Tom Hanks, “The post: A guerra secreta”

Gary Oldman, “O destino de uma nação”

Denzel Washington, “Roman J. Israel, Esq.”

Melhor atriz de filme dramático

Jessica Chastain, “A grande jogada”

Sally Hawkins, “A forma da água”

Frances McDormand, “Três anúncios para um crime”

Meryl Streep, “The post: A guerra secreta”

Michelle Williams, “Todo o dinheiro do mundo”

Melhor diretor

Guillermo del Toro, “A forma da água”

Martin McDonagh, “Três anúncios para um crime”

Christopher Nolan, “Dunkirk”

Ridley Scott, “Todo o dinheiro do mundo”

Steven Spielberg, “The Post”

Melhor filme de comédia ou musical

“O artista do desastre”

“Corra!”

“O rei do show”

“I, Tonya”

“Lady Bird: é hora de voar”

Melhor atriz em filme de comédia ou musica

Judi Dench, “Victoria e Abdul: o confidente da rainha”

Helen Mirren, “The Leisure Seeker”

Margot Robbie, “I, Tonya”

Saoirse Ronan, “Lady Bird”

Emma Stone, “A guerra dos sexos”

Melhor ator em filme de comédia ou musical

Steve Carell, “A guerra dos sexos”

Ansel Elgort, “Em ritmo de fuga”

James Franco, “O artista do desastre”

Hugh Jackman, “O rei do show”

Daniel Kaluuya, “Corra!”

Melhor atriz coadjuvante

Mary J. Blige, “Mudbound”

Hong Chou, “Pequena grande vila”

Allison Janney, “I, Tonya”

Laurie Metcalf, “Lady Bird: É hora de voar”

Octavia Spencer, “A forma da água”

Melhor ator coadjuvante

Willem Dafoe, “Projeto Flórida”

Armie Hammer, “Me chame pelo seu nome”

Richard Jenkins, “A forma da água”

Christopher Plummer, “Todo o dinheiro do mundo”

Sam Rockwell, “Três anúncios para um crime”

Melhor animação

“O Poderoso Chefinho”

“The Breadwinner”

“Viva: A vida é uma festa”

“O touro Ferdinando”

“Com amor, Van Gogh”

Melhor canção original

“Home”, “O touro Ferdinando”

“River”, “Mudbound”

“Viva: a vida é uma festa”

“The star”, “The star”

“This is me”, “O rei do show”

Melhor trilha sonora

Carter Burwell, “Três anúncios para um crime”

Alexander Desplat, “A forma da água”

Johnny Greenwood, “Trama fantasma”

Hans Zimmer, “Dunkirk”

John Williams, “The post: a guerra secreta”

Melhor filme estrangeiro

“Uma mulher fantástica” (Chile)

“First they killed my father” (Camboja)

“In the fade” (Alemanha)

“Loveless” (Rússia)

“The square” (Suécia)

Melhor roteiro

“A forma da água”

“Lady Bird”

“The Post: a guerra secreta”

“Três anúncios para um crime”

“A grande jogada”

TV

Melhor série dramática

“The Crown”

“Game of thrones”

“The handmaid’s tale”

“Stranger things”

“This is us”

Melhor série de comédia ou musical

“Blackish”

“The Marvelous Mrs. Maisel”

“Master of None”

“Smilf”

“Will & Grace”

Melhor minissérie ou telefilme

“Big little lies”

“Fargo”

“Feud”

“The sinner”

“Top of the lake”

Melhor atriz em série dramática

Caotriona Balfe, “Outlander”

Claire Foy, “The crown”

Maggie Gylenhaal, “The deuce”

Katherine Langford, “13 reasons why”

Elisabeth Moss, “Handmaid’s tale”

Melhor ator em série dramática

Jason Bateman, “Ozark”

Sterling K. Brown, “This is us”

Freddie Highmore, “The good doctor”

Bob Odenkirk, “Better call Saul”

Liev Schreiber, “Ray Donovan”

Melhor ator em série de comédia ou musical

Anthony Anderson, “Black-ish”

Aziz Ansari, “Master of none”

Kevin Bacon, “I love Dick”

William H. Macy, “Shameless”

Eric McCormack, “Will and Grace”

Melhor atriz em série de comédia ou musical

Pamela Adlon, “Better things”

Alison Brie, “Glow”

Rachel Brosnahan, “The Marvelous Mrs. Maisel”

Issa Rae, “Insecure”

Frankie Shaw, “Smilf”

Melhor ator em minissérie ou telefilme

Robert de Niro, “O mago das mentiras”

Jude Law, “Young Pope”

Kyle Maclachlan, “Twin Peaks”

Ewan McGregor, “Fargo”

Geoffrey Rush, “Genius”

Melhor atriz em minissérie ou telefilme

Jessica Biel, “The sinner”

Nicole Kidman, “Big little lies”

Jessica Lange, “Feud”

Susan Sarandon, “Feud”

Reese Wiherspoon, “Big little lies”

Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou telefilme

Laura Dern, “Big Little Lies”

Anne Dowd, “Handmaid’s tale”

Chrissie Metz, “This is us”

Michelle Pfeifer, “Wizard of lies”

Shailene Woodley, “Big Little Lies”

Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou telefilme

David Harbour, “Stranger things”

Alfred Molina, “Feud: Bette and Joan”

Alexander Skarsgard, “Big little lies”

David Thewlis, “Fargo”

Continue Reading

Listas

ANNIE AWARDS 2018 | Viva: A Vida é uma Festa é o líder de indicações no “Oscar da Animação”!

Published

on

A temporada de premiações já se iniciaram na Terra do Tio Sam e agora tivemos a revelação das indicações ao Annie Awards 2018, conhecida carinhosamente como o Oscar da Animação.

E com um grande sucesso nas bilheterias norte americanas, o novo sucesso da Disney, Viva: A Vida é uma Festa lidera a lista de indicados, com 13 lembranças no total, seguido por The Breadwinner, animação do estúdio Cartoon Salloon que Angelina Jolie ajudou a produzir.

Lembrando que O Annie Awards acontece no dia 3 de fevereiro de 2018.

Melhor Animação
As Aventuras do Capitão Cueca: O Filme
Carros 3
Viva: A Vida é uma Festa
Meu Malvado Favorito 3
O Poderoso Chefinho

Melhor Animação Independente
In This Corner of the World
Com Amor, Van Gogh
Napping Princess
The Big Bad Fox & Other Tales
The Breadwinner

Melhor Animação – Produção Especial
Feeling Sad
Olaf: Em Uma Nova Aventura Congelante de Frozen
Pig: The Dam Keeper Poems
Revolting Rhymes
Enrolados Outra Vez

Melhor Curta-Metragem de Animação
Dear Basketball
Hedgehog’s Home
Negative Space
Scavengers
Son of Jaguar

Melhor Série de Animação – Infantil
Buddy Thunderstruck
Lost in Oz
Niko and the Sword of Light
Enrolados Outra Vez
We Bare Bears

Melhor Série de Animação – Adulta
Big Mouth
BoJack Horseman
Rick and Morty
Robot Chicken
Samurai Jack

Melhor Efeitos Especiais em Animação
Avatar Flight of Passage
Carros 3
Viva: A Vida é uma Festa
Meu Malvado Favorito 3
Olaf: Em Uma Nova Aventura Congelante de Frozen

Melhor Animação de Personagem em TV
DreamWorks Trolls Holiday
Trollhunters
Tumble Leaf

Melhor Animação de Personagem em Cinema
Viva: A Vida é uma Festa
The Big Bad Fox & Other Tales
O Poderoso Chefinho

Melhor Animação de Personagem em Produção Live-Action
Game of Thrones
Guardiões da Galáxia Vol. 2
Kong: Ilha da Caveira
Valerian e a Cidade dos Mil Planetas
Planeta dos Macacos: A Guerra

Melhor Animação de Personagem em Video Game
Cuphead
Hellblade: Senua’s Sacrifice
Horizon Zero Dawn
Uncharted: The Lost Legacy

Melhor Design de Personagem em TV
Buddy Thunderstruck
Danger & Eggs
Samurai Jack
Enrolados Outra Vez
Trollhunters

Melhor Design de Personagem em Cinema
Viva: A Vida é uma Festa
Meu Malvado Favorito 3
Os Smurfs e a Vila Perdida
O Poderoso Chefinho
The Breadwinner

Melhor Direção em TV
Dave Wasson, Eddie Trigeros & Alonso Ramirez-Ramos, por Disney Mickey Mouse
T.J. Sullivan, por Dragões: Corrida Até o Limite
Tom Caulfield & Stephen Sandoval, por Enrolados Outra Vez
Timothy Bailey, por Os Simpsons
Andrew Schmidt, por Trollhunters

Melhor Direção em Cinema
Lee Unkrich & Adrian Molina, por Viva: A Vida é uma Festa
Benjamin Renner & Patrick Imbert, por The Big Bad Fox & Other Tales
Tom McGrath, por O Poderoso Chefinho
Nora Twomey, por The Breadwinner
Chris McKay, por LEGO Batman: O Filme

Melhor Trilha-Sonora em TV
Christopher Willis, por Disney Mickey Mouse
Alex Geringas, por Nossa Casa: As Aventuras de Tip e Oh
Michael Kramer, por Lego Star Wars: The Freemaker Adventures
Mike Reagan, por As Meninas Superpoderosas
Lisbeth Scott, por Tumble Leaf

Melhor Trilha-Sonora em Cinema
Theodor Shapiro, por As Aventuras do Capitão Cueca: O Filme
Michael Giacchino, por Viva: A Vida é uma Festa
Clint Mansell, por Com Amor, Van Gogh
Christophe Beck, por Olaf: Em Uma Nova Aventura Congelante de Frozen
Mychael & Jeff Danna, por The Breadwinner

Melhor Design de Produção em TV
Big Hero 6: The Series
Disney Mickey Mouse
June
Samurai Jack
The Loud House

Melhor Design de Produção em Cinema
Viva: A Vida é uma Festa
O Touro Ferdinando
A Bailarina
Mary and the Witch’s Flower
The Breadwinner

Melhor Storyboard em TV
Disney Mickey Mouse
Home for the Holidays
Niko and the Sword of Ligh
Trollhunters

Melhor Storyboard em Cinema
Viva: A Vida é uma Festa
O Poderoso Chefinho
The Breadwinner
A Estrela de Belém

Melhor Dublagem em TV

Wendie Malick, por Bojack Horseman
Jeremy Rowley, por Bunsen is a Beats
Chris Diamantopoulos, por Disney Micker Mouse
Tom Kenny, por Bob Esponja Calça Quadrada
Nicolas Cantu, por O Incrível Mundo de Gumball

Melhor Dublagem em Cinema
Nick Kroll, por As Aventuras do Capitão Cueca: O Filme
Anthony Gonzalez, por Viva: A Vida é uma Festa
Saara Chaudry, por The Breadwinner
Laara Sadiw, por The Breadwinner
Zach Galifianakis, por LEGO Batman: O Filme

Melhor Roteiro em TV
Adam Reed, por Archer
Darrick Bachman, por Disney Mickey Mouse
Joshua Pruett, por A Lei de Milo Murphy
Ryan Ridley & Dan Guterman, por Rick and Morty
AC Bradley, Kevin Hageman, Dan Hageman, Aaron Waltke & Chad Quandt, por Trollhunters

Melhor Roteiro em Cinema

Adrian Molina & Matthew Aldrick, por Viva: A Vida é uma Festa
Dorota Kobiela, Hugh Welchman & Jacek Dehnel, por Com Amor, Van Gogh
Riko Sakaguchi, Hiromasa Yonebayashi, David Freedman & Lynda Freedman, por Mary and The Witch’s Flower
Anita Doron, por The Breadwinner

Continue Reading

Listas

TRIP LISTA | Ranking dos melhores filmes da Marvel Studios apontando erros e acertos

Published

on

 
Um dos debates mais divertidos do universo Nerd, são as famosas listas de melhores filmes do gênero “Super-heróis”. Bastou sair um novo filme e os fervorosos fãs já começam a ferrenha discussão para eleger os melhores filmes de todos os tempos e com a chegada de “Thor Ragnarok” a história não seria diferente.
 
Para colocar lenha na fogueira, vamos listar os melhores filmes da Marvel Studios, com seus “Prós e contras”.
Confira:
 
10)  DR. ESTRANHO (2016)
 
 
 * PRÓS:
 
Roteiro divertido
Referência em cenas de ação
Fidelidade aos Quadrinhos
Benedict Cumberbatch
Visual
A Barganha
O Manto da levitação
 
* CONTRA:
 
CGI do Dormammu
 
9) O INCRÍVEL HULK (2008)
 
 * PRÓS:
 
Roteiro frenético
Referências a série de TV
Bruce no Brasil
Hulk vs Soldados na Universidade
Hulk vs Abominável
Hulk Smash!
Palmas Trovão
Participação de Tony Stark
Bruce passa a controlar a transformação
 
 * CONTRA:
 
Não tem
 
 
8) CAPITÃO AMÉRICA: O PRIMEIRO VINGADOR (2011) 
 
 
* PRÓS:
 
Fidelidade aos Quadrinhos
Visual
Steve Magro
Transformação com “raios Vita” e o soro do Supersoldado
Stark Expo
Ótimo vilão
O sacrifício do Capitão América
A chegada de Steve ao presente
 
* CONTRA:
 
Poucas cenas de ação
 
 
7) OS VINGADORES: A ERA DE ULTRON (2015)
 
 
* PRÓS:
 
A invasão do quartel general da Hidra
As Vingadores tentando levantar “Mjolnir”
Ultron
Introdução do Visão
Introdução da Feiticeira Escarlate
Hulk vs HulkBuster
Vingadores vs as cópias de Ultron
“Se passar por aquela porta, você será uma “Vingadora”!
 
 * CONTRA:
 
Matar um velocista com arma de fogo
Tentativa de repetir o primeiro filme
 
 
6) THOR: RAGNAROK 
 
 
SPOILER ALERT! SPOILER ALERT! SPOILER ALERT! SPOILER ALERT!
  
CONTINUE POR SUA CONTA E RISCO
 
* PRÓS:
 
Roteiro divertido
Ótimas piadas
Visual
Surtur
Hulk Gladiador
Hulk “falante” (finalmente)
Elementos de Planeta Hulk
Hulk vs Thor
Trilha sonora
Ótima vilã
Referência em cenas de ação
Dr. Estranho Vs Loki
Grão Mestre
O arco de redenção do Executor
Thor se tornando Rei de “Asgard”
Guinada na franquia do personagem
 
 * CONTRA:
 
Rápido destino de Fandral e Volstagg
Corte do arco de Odin
 
 
5) GUARDIÕES DA GALÁXIA (2014) 
 
* PRÓS:
 
Roteiro frenético e divertido
Trilha sonora
Personagens carismáticos
Thanos
Ótimas piadas
Ótimo vilão
Senhor das Estrelas vs Ronan
Introdução do universo cósmico da Marvel
A sala do Colecionador
 
* CONTRA:
 
Não tem
 
 
4) HOMEM DE FERRO (2008)
 
 
* PRÓS:
 
Roteiro ágil e divertido
Ótimas cenas de ação
Robert Downey Jr.
Inicio do Universo Cinematográfico Marvel
Fidelidade aos Quadrinhos
Fuga da prisão
Homem de Ferro vs Terroristas
Participação de Nick Fury
Iniciativa Vingadores
 
* CONTRA:
 
Não tem
 
 
3) CAPITÃO AMÉRICA: O SOLDADO INVERNAL (2014)
 
 * PRÓS:
 
Ótimo roteiro
Referência em cenas de ação
Introdução do Falcão
Introdução do Soldado Invernal
Capitão Vs Batroc
Capitão vs Soldado Invernal
 
* CONTRA:
 
Ausência do Caveira Vermelha
 
 
2) CAPITÃO AMÉRICA: GUERRA CIVIL (2016)
 
 
* PRÓS:
 
Roteiro frenético
Referência em cenas de ação
Motivação dos protagonistas
Introdução do Homem-Aranha
Introdução do Pantera Negra
Vingadores vs Vingadores
Capitão vs Homem-Aranha
Capitão vs Pantera Negra
Homem Formiga se torna o Gigante
Capitão e Buck Vs Homem de Ferro
Capitão América nunca mais
 
* CONTRA:
 
Barão Zemo
 
1) OS VINGADORES (2012)
 
 * PRÓS:
 
Roteiro eficiente
Ótimas cenas de ação
Reunião dos Vingadores
Ótimo Vilão
Capitão e Homem de Ferro vs Loki
Homem de Ferro vs Thor
Hulk vs Thor
Hulk vs Loki
Hulk vs Leviatã
Participação de Thanos
 
* CONTRA:
Não tem
 
E você? Quais são seus filmes preferidos da Marvel Studios?
 
Deixe nos comentários…
Continue Reading

Mais lidos da semana

Copyright © 2018 Nerdtrip. Theme by GNTK Inc., powered by Gancarteek. Todas as imagens de filmes, séries, games, quadrinhos e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários.

%d blogueiros gostam disto: