Connect with us

Conheça um pouco mais...

O SEGREDO ALÉM DO JARDIM | Conheça um pouco mais…

Publicado

em

Por dentro do Desconhecido…
O segredo além do Jardim, (“Over the Garden Wall”, no original)  é um desenho muito curtinho (somente 10 episódios mas são muito bem feitos e bem amarrados). A série foca nos dois irmãos, Wirt e Greg, que se perdem numa floresta estranha chamada Unknown (Desconhecido). Para encontrar o caminho de casa, os dois viajam por toda a floresta mágica, com a ajuda do sábio idoso Woodsman (Lenhador ), e Beatrice (Beatriz) um pássaro azul que viaja com os meninos, para desfazer a maldição que afetou toda a sua família.
Wirt, o irmão mais velho, se preocupa demais e prefere guardar para si mesmo a ter que tomar uma decisão. Suas duas paixões são o clarinete e a poesia, mas ele guarda segredo disso e tem medo de ser ridicularizado. Por outro lado, Greg, o irmão mais novo, adora  brincar e é muito despreocupado. Greg carrega um sapo, cujo nome não está definido e que pode se comunicar apenas através do canto. Beast (Fera), é uma criatura antiga que leva as almas perdidas, até desistirem e se transformarem em “Árvores de Edelwood”.

A produção de Over the Garden Wall começou em março de 2014. Sendo a primeira minissérie do canal, com dez episódios, e uma temporada. Foi criada por Patrick McHale, que se graduou no Instituto de Artes da Califórnia, a série foi baseada no curta-metragem Tome of the Unknown, que ele escreveu e dirigiu para o Cartoon Network Studios.

A história foi idealizada pela primeira vez em 2004, com um enredo baseado em uma aventura mais assustadora. Antes de trabalhar como artista de storyboard na série ‘As Trapalhadas de Flapjack’, Patrick McHale apresentou a série Over the Garden Wallem 2006. Ele a viu como “um possível especial do Dia das bruxas”, mas tinha dificuldade para adaptar a premissa com um arco de história maior. Depois de Flapjack, McHale trabalhou em Hora de Aventura, onde atuou como diretor de criação e posteriormente como escritor. O canal mais tarde lhe perguntara se tinha interesse em desenvolver um piloto, que o levou a regressar à sua obra, lançando no canal. Eles finalmente estabeleceram  o formato da minissérie, e McHale disse: “Foi algo que senti, uma maior qualidade do que o que poderíamos fazer com uma série regular”.

A série apresentou Wood (reprisando seu papel do curta), Lynskey e Dean como o principal elenco de dubladores. A série é caracterizada numa “comédia-fantasia”; em uma entrevista de outubro de 2014, McHale declarou que, embora a maior parte do tempo aderisse a esse gênero, haveria alguns momentos assustadores que tentam ser “uma experiência para o público”. Apesar disso, ele e sua equipe tentaram manter o equilíbrio com outros episódios que são apenas leves e divertidos. Na mesma entrevista, McHale retratou, que suas inspirações para a série, foram a literatura infantil do século 19, a música americana no início do século 20 e a arte folclórica em geral.

Além disso, McHale buscou inspiração em Gustave Doré e “Alice Comedies” para os “layouts” da série. Da mesma forma para a sua música, McHale, partilhou que a série teria vários estilos, incluindo o “clássico americano, canto lírico”, mas que não iria ter muitas qualidades quaisquer com a Broadway. Entretanto, Nick Cross foi o diretor de arte e Nate Cash foi o supervisor de direção; ambos trabalharam com McHale ao lado de artistas de storyboard em Nova Iorque e Chicago. Esta distância foi difícil para McHale, que “considerou particularmente assustadora a natureza idiossincrática da produção”.

Agora, falando como espectadora, particularmente eu amei a serie. Visualmente é linda, super bem feita, com uma animação incrível e um fundo maravilhoso. Estou seriamente apaixonada por Nate Cash, o diretor de arte, pois escolheu grandes artistas para fazer os desenhos. Eu como estudante de artes fiquei apaixonada e impressionada com a qualidade há muito tempo não via um desenho tão lindo quanto esse é espero que tenha mais no estilo dele (nossa estou babando um ovo grande para ele, melhor eu mudar de assunto). O roteiro no desenho ficou ótimo com uma grande historia que se encaixa no final ( até a abertura você consegue entender no final) e por falar em abertura… Que abertura estranha (juro que o inicio fiquei com medo) mas é a temática do desenho. O vilão e fantástico e eu fiquei apavorada com ele na primeira vez que o vi.

Bom com tudo isso posso falar que vale muito ver esse desenho, são apenas 10 episódios e o piloto, e não custa nada… Veja!!

Ray "Valquíria" Fluvierz. Especialista em cultura oriental e Animações. Maior fã dos estúdios Ghibli, Arlequina, Animações, Vertigo, Neil Gaiman, Deadpool, Skyrim e Terra Média. Admiradora de tudo que tem olhos puxados ou de tudo que seja Medieval/ Viking. Adoradora de Livros, Séries, HQs, Mangás, Filmes e Games. Aficionada por Animações e Raposas. Estudante de Belas Artes. A rainha do grupo.

Conheça um pouco mais...

NOSFERATU | Protagonista do filme de 1922 era um vampiro de verdade?

Publicado

em

Existe uma lenda de que o ator Max Schreck, que viveu de forma única o vampiro “Orlock” no assustador Nosferatu (1922) era realmente um vampiro.

Desde o lançamento do filme na década de 20, circula em Hollywood a lenda de que o misterioso ator, era na verdade um “morto-vivo” e por isso seu desempenho como Orlock era tão convincente. As pessoas comentavam que Schreck (nome alemão que significa “susto”) fora exposto e contratado pelo diretor F. W. Murnau, para dar maior veracidade ao personagem e assim, produzir uma obra-prima do medo.

 

 

O pagamento seria o direito de morder o pescoço da grande estrela do filme, a atriz Greta Schröder, na cena final.

 

 

A lenda serviu de inspiração para que Steven A. Katz, criasse o roteiro de “A sombra do Vampiro” (2000), filme dirigido por E. Elias Merhige, que narra a luta de F. W. Murnau para controlar os impulsos tenebrosos de Max Schreck, um vampiro que ele contratara para dar maior autenticidade ao papel do Conde Orlok, no filme “Nosferatu“.

 

 

A incrível interpretação de Willem Dafoe, no papel de Max Schreck, rendeu-lhe indicações ao Oscar e ao Globo de Ouro de 2001, na categoria de melhor ator coadjuvante.

 

Créditos das imagens :

A Sombra do Vampiro – Europa filmes

 

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:  twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

BLACK COVER | Assista a prévia e confira o título do episódio 30

TOKYO GHOUL: RE | Confira o título e a prévia do episódio 5 da 3ª temporada

CBLOL 2018 | Resumão do 1º Split

 

 


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

Continue lendo

Conheça um pouco mais...

VINGADORES: GUERRA INFINITA | Contagem Regressiva (Faltam 2 dias)

Publicado

em

Nessa última semana, os nerds mais minuciosos (ou obsessivos!) decuparam quadro-a-quadro os trailers e comerciais de Vingadores: Guerra Infinita e descobriram que, num certo momento do filme, o Homem-Aranha vai dar um enorme chute na cara do vilão da hora, o titã púrpura Thanos.

Cremos que seja desnecessário fazer qualquer apresentação do Amigão da Vizinhança, correto?

Além de uma longa carreira nos quadrinhos (desde 1962, quando criado por Stan Lee e Steve Ditko), em desenhos animados – Homem-Aranha de 1967 e 1981; Homem-Aranha e seus Incríveis Amigos, de 1981, Homem Aranha (Animated Series), de 1994; Homem-Aranha: Ação Sem Limites, de 1999; Homem-Aranha (The New Animated Series), de 2003; Espetacular Homem-Aranha, de 2008; Homem-Aranha Ultimate, de 2012 – uma (tosca) série de televisão (1977-1979), em 5 longas-metragens produzidos pela Sony PicturesHomem-Aranha (Sam Raimi, 2002), Homem-Aranha 2 (Sam Raimi, 2004), Homem-Aranha 3 (Sam Raimi, 2007), O Espetacular Homem-Aranha (Marc Webb, 2012), O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (Marc Webb, 2014) – e, muito recentemente, no filme Homem-Aranha: De Volta ao Lar (Jon Watts, 2017), pelo acordo de licenciamento entre a Sony e o Marvel Studios, o super-herói que anda pelas paredes é indubitavelmente um ícone da cultura pop mundial.

No último filme realizado com o seu nome (“De Volta ao Lar”, 2017), o “teioso” foi “integrado” ao universo cinematográfico da Marvel, o que o levará a ter uma atuação proeminente na aguardada superprodução da Casa das Ideias (afinal, além de aparecer em passagens “solo”, ele surge ao lado do Homem de Ferro e Guardiões da Galáxia, e do Doutor Estranho).

Realmente, o “espetacular” Homem-Aranha faria uma tremenda falta num filme que envolvesse Thanos, afinal, nos quadrinhos, tanto na conclusão da saga de Thanos (na qual o vilão é transformado por Warlock numa estátua de pedra: ver “contagem regressiva” do dia 7 de abril, “faltam 19 dias”), quanto em Desafio Infinito (que, como já dissemos desde as primeiras “contagens”, é a história em quadrinhos que serve de base para o filme Guerra Infinita) ele tem presença marcante e obrigatória.

Além disso, o Amigão da Vizinhança, nos quadrinhos, já enfrentou o titã púrpura em duas outras oportunidades:

a) em companhia da Felina, numa hilária história na qual Thanos surge na imponência de seu “Thanoscóptero” na busca do Cubo Cósmico e perdendo-o para um garoto (“Spidey Super Stories” vol. 1 # 39, de março de 1979);

b) numa história solo na qual o herói, aparentemente, morre durante um resgate, enfrentando Thanos e a Senhora Morte numa batalha desesperada para voltar a vida e salvar uma garota (“Spider-Man” Vol. 1 #17, 1991).

Agora é esperar o que o escalador de paredes preferido fará durante os eventos aparentemente catastróficos de Vingadores: Guerra Infinita!

Que venha 26 de abril!!

Falta pouquinho agora!!!

Até amanhã, tripulantes!!!!

Continuem conosco!!!!!!

Confira as outras matérias com curiosidades e a contagem regressiva para Vingadores: Guerra Infinita!


SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

STREET FIGHTER V | Falke é lançada hoje para PS4 e PC

DIABLO | Deckard Cain é o mais novo herói a entrar para Heroes of the Storm

VENOM | Tom Hardy é possuído pelo simbionte no inédito trailer!

LEGIÃO URBANA | Mais uma canção irá virar filme, conheça qual e quais os protagonistas

VINGADORES | James Cameron espera que público se canse da franquia e Kevin Feige responde!


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

Continue lendo

Conheça um pouco mais...

VINGADORES: GUERRA INFINITA | Contagem Regressiva (Faltam 3 dias)

Publicado

em

Em sua última aventura na Segunda Guerra Mundial (nos quadrinhos), antes de ser congelado – uma batalha contra o Barão Zemo – o Capitão América vê seu discípulo e parceiro, Buck Barnes, aparentemente morrer para destruir um avião experimental do vilão.

Nessa explosão, o Capitão cai em águas geladas que o colocam em animação suspensa até ser achado, acordado e integrado aos Poderosos Vingadores.

Muitos anos após ter sido descongelado e milhares de aventuras depois, eis que o “bandeiroso” dá de cara com um excepcional adversário, o preciso e letal assassino “russo” conhecido como o Soldado Invernal.

Qual não foi a surpresa de todos quando foi revelado que, na verdade, o Soldado Invernal era o Buck Barnes, parceiro do Capitão América na Segunda Guerra Mundial, cujo corpo nunca havia sido encontrado; o qual não morreu quando o avião do Barão Zemo veio a explodir, mas “quase” pereceu (“só” perdeu um braço); sendo reanimado por espiões russos que o reprogramaram, lhe implantaram um braço biônico e, aproveitando seu ótimo treinamento, o transformaram num frio assassino, posto em animação suspensa entre as missões, devido ao seu debilitado e amnésico estado mental (por isso, ele só envelheceu 5 anos após sua aparente morte no final da Segunda Guerra).

Após recuperar a memória e melhorar o estado de sua mente, Buck aceita o convite de Tony Stark para assumir o escudo do Capitão América, assassinado após o final dos eventos do primeiro Guerra Civil da Marvel.

A descrição acima é retirada das histórias em quadrinhos, mas, nos filmes, a origem muda pouca coisa.

Interpretado por Sebastian Stan, Buck surge nas telas pela primeira vez em Capitão América: O Primeiro Vingador, como um soldado forte que, por ser vizinho e amigo, normalmente protegia o franzino Steve Rogers antes deste se tornar o Capitão América (interpretado por Chris Evans) e que, depois da impressionante transformação física do amigo, torna-se um dos membros do Comando Selvagem, liderado pelo herói, aparentemente perecendo ao cair de um trem durante uma missão do grupo.

Todavia, ele não morreu, mas “quase” (“só” perdeu um braço); sendo reanimado por espiões russos que o reprogramaram, lhe implantaram um braço biônico e que, aproveitando seu ótimo treinamento, o transformaram num frio assassino, posto em animação suspensa entre as missões, devido ao seu debilitado e amnésico estado mental (por isso, ele só envelheceu 5 anos após sua aparente morte no final da Segunda Guerra).

Desperto em Capitão América 2: O Soldado Invernal – numa trama que até se mostra relativamente fiel à sua origem quadrinística – Buck se torna o pivô – juntamente com a morte de civis na Nigéria e do assassinato do rei de Wakanda numa conferência da ONU em Viena – do conflito entre o grupo do Capitão América e do Homem de Ferro em Capitão América: Guerra Civil, no qual é revelado ser ele o responsável direto pela morte dos pais de Tony Stark (ops! Esqueci de avisar que teríamos uma porção de spoilers por aqui hoje!!!).

Com grande habilidade, os Irmãos Russo (diretores dos dois longas acima citados) conseguiram unir e resumir as tramas criadas por (de novo) Mark Millar e Steve McNiven (desenhos), na saga Guerra Civil dos quadrinhos e por Ed Brubaker e Steve Epting, na trama em papel e tinta do Soldado Invernal, para sua adaptação cinematográfica, com resultados tão positivos que foram escalados para a direção dos dois próximos Vingadores: Guerra Infinita.

No final de Capitão América: Guerra Civil, Buck aparece sendo mais uma vez colocado em animação suspensa, só que, desta vez, em Wakanda, até que fosse descoberta uma cura para a lavagem cerebral que ativava seu instinto assassino.

Nas cenas pós-créditos de Pantera Negra, a irmã de T’Challa (Chadwick Boseman), Shury (interpretada por Letitia Wright), aparece triunfante, junto a Buck e dizendo a este que ele estava devidamente curado.

Nos trailers de Guerra Infinita, o Soldado Invernal aparece lutando ao lado de Capitão América, Pantera Negra e companhia limitada contra as hordas do vilão Thanos.

Muito se tem dito sobre a morte de Capitão América em Guerra Infinita, uma vez que Chris Evans já anunciou que não voltará a interpretar o herói.

Será que, como nos quadrinhos, Buck terá que assumir o lugar do Sentinela da Liberdade?

Mais uma dúvida para ser sanada ao assistirmos ao tão aguardado filme!!!

Até amanhã, viajantes!!!!

Confira as outras matérias com curiosidades e a contagem regressiva para Vingadores: Guerra Infinita!


SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

VERDADE OU DESAFIO | Crítica do Don Giovanni

MEMÓRIA TOKUSATSU | Esquadrão do Futuro Timeranger ou Power Rangers Força do Tempo?

YU-GI-OH! VRAINS | Confira a prévia e o título do episódio 49

CONFABULANDO LETRAS | Como escrever um livro? (Parte 01)

VINGADORES: GUERRA INFINITA | Contagem Regressiva (Faltam 4 dias)


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

Continue lendo

Mais lidos da semana

%d blogueiros gostam disto: