Connect with us

Demorei, mas eu vi!

DEMOREI, MAS EU VI! | Desventuras em Série

Publicado

em

Demorei, mas eu vi, e foi um baita vacilo não ter visto antes. “Desventuras em série” foi lançado no começo do ano pela Netflix e traz 8 episódios contando a história dos irmãos Baudelaire (Violet, Klaus e Sunny).

A trama conta que, após ficarem órfãos, os 3 jovens Boudelaire são passados ao parente mais próximo que então torna-se o tutor legal deles, com uma fortuna reservada para quando a jovem Violet assumir a maioridade. Trata-se do Conde Olaf, um ator fracassado e que não vê a hora para colocar as mãos na herança.

Olaf logo tem suas más pretensões reveladas pelas crianças e acaba perdendo a guarda, daí então as crianças são relocadas para o parente mais próximo, mas tendo o vilão disfarçado sabotando um a um para conseguir a fortuna prometida.

A série tem uma atmosfera muito interessante, muitas vezes fazendo lembrar o jeito Tim Burton de trabalhar. A ambientação é perfeita, os figurinos são caprichados e exatos, os diálogos afiados e ágeis, e o humor negro permeia toda a série.

Cada personagem tem tempo de ser trabalhado e tornam-se bem montados, tendo sua personalidade muito bem definida. Neil Patrick Harris que interpreta o Conde Olaf teve um grande desafio diante de si, pois Jim Carrey já havia interpretado o mesmo personagem no filme lançado em 2004. Mas ele não decepciona, é perfeito.

Ao longo da série além de nos divertirmos com a sua interpretação, ainda podemos vê-lo levando seu personagem a interpretar outros. É divertidíssimo.

A série é baseada em 13 livros, e a cada dois episódios um livro é contado, sem pressa e sem afobação. Nessa primeira temporada são abordados os acontecimentos de Um Mau Começo, A Sala dos Répteis, O Lago das Sanguessugas e Serraria Baixo-Astral.

Sendo assim, o ideal é que seja assistido com calma, maratonar pode deixar massante. O aconselhável é assistir conforme os seus arcos, de dois em dois. É sempre interessante ver em cada troca de tutor a ambientação ficar completamente diferente. Vale a pena reparar nos detalhes das cenas pois são minuciosamente caprichadas.

Não tenho defeitos a apontar em Desventuras em Série, apenas torço para que chegue logo a segunda temporada que está em produção e deve estrear ainda em 2018 pela Netflix.

Uma última sugestão: não pule a abertura, trechos da música se atualizam ao longo dos capítulos. Também é legal ouvir no áudio original com o próprio Neil Patrick Harris interpretando a melancólica canção, que depois fica difícil de não cantar junto.

Nota para a 1º temporada da série: 5 / 5

Paulistano, amo música, filmes, séries, e estou ressuscitando o amor por animes. Aprecio os filmes bons e me divirto debochando dos ruins (o que gerou o injusto apelido de Mestre Hater). Tento ter como característica, textos curtos e objetivos valorizando a informação. Escritor das colunas HATEANDO! Demorei, mas eu vi! Escondido na Netflix

Advertisement
Comments
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Advertisement

Mais lidos da semana


%d blogueiros gostam disto: