Connect with us

Papo de Cinema

PAPO DE CINEMA | Os zumbis de George A. Romero

Publicado

em

Por mais difícil de acreditar que possa parecer para muitos, não foi a série The Walking Dead a responsável por inundar a cultura pop de seres mortos-vivos sedentos de carne humana. Se hoje eles estão presentes no imaginário coletivo graças às aparições na TV, cinema, games e clipes musicais, um homem é o responsável: George A. Romero!

Resultado de imagem para thriller michael jackson

“Tá dizendo que eu não sou original?”

Não, ele não foi um cientista louco ou um feiticeiro vudu que trouxe a vida os mortos, mas a mente criativa por trás do primeiro filme do gênero, A Noite dos Mortos Vivos (Night of the Living Dead), de 1968. Com o precedente aberto por ele, hoje podemos ter todo o tipo de morto vivo, dos lentos e descerebrados da já citada série, dos rápidos e imparáveis de Resident Evil e dos dançarinos do clipe Thriller, de Michael Jackson.

Resultado de imagem para bela lugosi white zombieNão, este não foi o primeiro filme onde os zumbis deram as caras (e aliás nem essa palavra é usada no filme)! O primeiro filme a trabalhar a ideia de mortos que voltam do túmulo apenas com os instintos básicos foi White Zombie, de 1932 , com o astro Bela Lugosi (o clássico monstro de Frankenstein) como um feiticeiro que transforma pessoas normais em zumbis acéfalos com uso de magia negra.

Mas o zumbi que conhecemos (e que dominou o mundo) veio mesmo com o Romero, junto com toda sua visão metafórica sobre a verdadeira natureza humana. O interessante dos filmes de Romero em sua “sextologia” dos mortos é que a humanidade consegue ser muitas vezes mais cruel que os próprios zumbis. Romero nunca tentou explicar o motivo dos mortos saírem dos túmulos. Por mais que ele deixe no ar algumas suspeitas (como um modulo espacial que caiu na terra ou experimentos militares), a verdadeira razão nunca foi suficientemente esclarecida. Isso gera um medo real, onde muitos podem gastar horas em discussões se é ou não possível uma epidemia zumbi no mundo real.

Além do terror, George foi hábil em transformar seus filmes em uma crítica ácida da sociedade, onde os problemas de convivência entres os vivos muitas vezes eram um problema muito maior que os mortos que andam.

A Noite dos Mortos-Vivos (1968) – Night of the Living Dead

 

Resultado de imagem para a noite dos mortos vivos 1968

Como tudo começou…

Em sua estreia no gênero, Romero não perde tempo explicando muita coisa. Os protagonistas são jogados em meio ao levantamento dos mortos do túmulos e se encontram em uma casa onde os mais diferentes tipos buscam a sobrevivência. Os conflitos dentro da casa refletem à sociedade americana da década de 1960, e o provocativo e intenso final em que o improvável protagonista negro se encontra com a realidade falou alto. 

Resultado de imagem para a noite dos mortos vivos 1968 cena final

Herói improvável: protagonista negro em 1968

Com este filme, Romero traça as linhas mestras do seu universo: seus zumbis são lentos, agem por instinto e muitas vezes em mamadas e só tem um objetivo: se alimentarem dos vivos; a noção do contágio através da mordida também é estabelecida nessa obra, e isso gera cenas dramáticas em saber que o ente querido está condenado a se tornar aquilo que todos estão combatendo.

Despertar dos Mortos (1978) – Dawn of the Dead

 

Resultado de imagem para despertar dos mortos 1978

“Praça de alimentação, por favor!”

Dando continuidade ao seu mundo apocalíptico, Romero brinca com a sociedade do american way of life. Qual o melhor lugar para representar a queda da sociedade americana que um shopping center. Os protagonistas se refugiam em um santuário, para onde todos os zumbis se dirigem, dando pistas de que os zumbis pudessem guardar memórias instintivas de suas vidas. 

Imagem relacionada

BLACK FRIDAY!

O embate com a gangue de motociclistas representa a última tentativa de manter uma ordem social funcionando em meio ao caos. Discussões sobre aborto e suicídio chocaram o público em uma época conservadora e o final sem esperanças dos protagonistas coroam o clima depressivo deste novo mundo. Esta obra ganhou um remake com grande sucesso em 2004, mas que desagradou Romero por ver no fato dos zumbis modernos serem seres extremamente ágeis, uma subversão aos seus princípios.

Dia dos Mortos (1985) – Day of the Dead

  

Resultado de imagem para DIA DOS MORTOS 1985

Minha banda favorita: SEPULTURA!

O filme que supostamente fecharia a trilogia dos mortos gira em torno do embate entre a ciência e a força bruta. Cientistas e militares, em um mundo dominado pelos zumbis, dividem um antigo abrigo nuclear, onde são feitos experimentos para tentar encontrar uma cura para os zumbis. Um dos cientistas porém começa a desenvolver a ideia de que os zumbis podem ser “adestrados”, e que possam reaprender a serem seres humanos. Quando um dos militares tornado zumbi é utilizado para os experimentos a tensão chega a seu limite, e os vivos se mostram um perigo muito maior que os mortos. Neste filme, Romero deixa no ar a possibilidade de os zumbis se desenvolverem intelectualmente.

Resultado de imagem para DIA DOS MORTOS 1985

“Vamos por partes…”

Terra dos Mortos (2005) – Land of the Dead

 

Imagem relacionada

O preço da gasolina tá de matar!

Vinte anos depois de Dia dos Mortos, Romero retorna a seu mundo decadente, e desta vez o embate gira em torno de como as classes econômicas e sociais teriam impacto em um mundo sem regras. Ricos vivem com luxo e mordomias em um prédio fortemente protegido enquanto os mais pobres precisam fazer de tudo para sobreviverem em meio ao fim do mundo. No meio deste embate de classes, os zumbis que eram criaturas desprovidas de qualquer capacidade intelectual, começam gradativamente reativarem pontos específicos do cérebro, onde os instintos aprendidos enquanto eram vivos começam a retornar. Os zumbis passam então a se organizarem como uma sociedade e parte pra cima da cidade humana, utilizando-se de maneira inteligente da sua incapacidade de respirar.

Imagem relacionada

Prenda a respiração!

Diário dos Mortos (2007) – Diary of the Dead

 

Resultado de imagem para diario do mortos 2007

“Mostra que você não é só mais um rostinho bonito do Youtuber!”

Funcionando meio que como uma atualização dos filmes para o novo século e novas mídias, Romero brinca com a ideia hoje batida do “uma câmera na mão”. Segundo o diretor, este filme se passaria ao mesmo tempo em que o Noite dos Mortos Vivos, e mostra o início da epidemia zumbi pela ótica dos viciados em exibição para as novas mídias, onde o se mostrar para a plateia é mais importante que a própria segurança. Um filme inteligente, que inclusive brinca com a noção de verdade e mentira dos vídeos “reais” que encontramos na internet. Nesta obra, Romero também coloca na boca de um dos personagens a sua crítica à versão de 2004 de Madrugada dos Mortos, ao explicar fisicamente por que seria impossível um morto vivo correr.

A Ilha dos Mortos (2009) – Survival of the Dead

 

Resultado de imagem para ilha dos mortos filme

“Deixa eu dar só uma mordidinha…”

O mais fraco dos filme de Romero dentro do universo zumbi, ele se passa em uma ilha onde duas famílias tem visões diferentes da forma de como enfrentar o problema. Um grupo de militares e cientistas (fica no ar se são os remanescentes do filme Dia dos Mortos) que querem tentar ensinar os mortos a se alimentarem de animais ao invés de seres humanos, e com isso diminuir os ataques a humanos. A tensão chega ao limite e o filme, como todos os demais, possuem um final deprimente.

Imagem relacionada

Agora você sabe de onde os walkers tiveram a ideia de comer o cabaço do Rick!

E você,  amigo viajante, qual seu filme de zumbi favorito? Deixe seu comentário e interaja conosco.

Resultado de imagem para george a romero

Professor de História e Grande apaixonado pela sétima arte e da maior premiação do cinema, o Óscar. Viciado em séries e Redador das colunas "Vale a Maratona" e "Papo de Cinema".

Papo de Cinema

10 COISAS QUE EU ODEIO EM VOCÊ | 20 anos de saudade

Publicado

em

Uau! Como o tempo voa. Distribuído pela Disney e Buena Vista, o filme preferido da minha infância-adolescência, está para completar 20 anos em uma data muito memorável: 31 de março de 2019 (data de lançamento nos EUA).

Frase do filme:

Odeio como está sempre certo e odeio quando você mente. Mas odeio principalmente por não conseguir te odiar nem um pouco. Nem mesmo por um segundo, nem mesmo só por te odiar.


Um dos monólogos mais emocionantes, que mais me fizeram chorar, que jamais vou esquecer. Fico emocionado de lembrar o momento em que Kat Stratford se declara de uma forma bem diferente e incrível a Patrick Verona.

Sinopse

A situação está tensa na casa dos Stratford. Bianca (Larisa Oleynik) não vê a hora de arranjar um namorado, mas seu pai (Larry Miller) não permite que ela saia com garotos. Após muita insistência, o pai toma uma resolução: Bianca pode namorar, desde que sua irmã, Katharina (Julia Stiles), namore também. Só que Katharina é uma verdadeira megera, que não tem amigos na escola nem em lugar algum. Para resolver a questão, Cameron (Joseph Gordon-Levitt), apaixonado por Bianca, resolve contratar o misterioso Patrick Verona (Heath Ledger) para seduzir a futura cunhada.

Os atores

Suas expressões, sua frieza no olhar deixam menos açucarada, porém, muito mais intensa a forma de demonstrar seus sentimentos.

Imagem da Internet

Como não citar Heath Ledger e sua atuação neste longa memorável. O misterioso Patrick, era um garoto do estilo repetente e descontente que ninguém chegava perto. Pago para seduzir uma garota impossível de ser conquistada, Verona alcança seu objetivo, mas apenas após ser conquistado pela mesma. Suas expressões, sua frieza no olhar deixam menos açucarada, porém, muito mais intensa a forma de demonstrar seus sentimentos.

Imagem da internet

Julia Styles, a magoada Katharina, uma jovem rebelde e que se irrita muito por muito pouco, mostra o lado humano que nos faz refletir em certas atitudes que nos parecem até irracionais, mas, guardam histórias que causam profundos traumas difíceis de curar.

Imagem da internet

Joseph Gordon-Levitt é um dos meus atores favoritos até hoje. Sua doçura e inocência parecem tornar suas interpretações cada vez mais fofas, fazendo você se apaixonar pelo personagem. Foi assim com Cameron James, um garoto tímido e simples que se encanta por Bianca, irmã de Kat, um amor um tanto quanto platônico.

Memória

Apesar de ‘antiguinho’, super recomendo aos amantes de comédias românticas e aos saudosistas que, como eu, sentem até hoje a perda de Heathcliff Andrew “Heath Ledger” , um ator australiano espetacular que nos deixou por intoxicação acidental de remédios prescritos. Seus 18 filmes nos deixam com mais saudade, entre eles está o memorável ’10 coisas que eu odeio em você’. Assista!

Outra dica de filme:

ESCONDIDO NA NETFLIX | A Incrível História de Adaline

O SEGREDO DE DAVI | Com tom sombrio e atual, suspense nacional estreia nos cinemas

O SEGREDO DA CABANA | De volta à Netflix o melhor filme de terror do Século XXI


SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

BLACK CLOVER | Confira o título e prévia do episódio 61 do anime

TEEKCAST #48 | Liga da Justiça com atores brasileiros

TITANS | O esquisito e lento”check-up” nos heróis – Episódio #07: Asylum (Crítica)

AS VIÚVAS | Crítica do Filme “De Ação” do Diretor Steve McQueen

CRÔNICAS DA MAGIA PROFUNDA | Nerdtrip lançará história original em dezembro de 2018

O REI LEÃO | Disney libera primeiro trailer oficial da adaptação em live-action!

AS VIÚVAS | Crítica do Filme “De Ação” do Diretor Steve McQueen

ROBIN HOOD: A ORIGEM | “Mistura de Arrow com Crepúsculo?” Crítica do Don Giovanni

Continue lendo

Papo de Cinema

TOY STORY 4 | Teorias de filmes anteriores podem ser esclarecidas em novo longa

Publicado

em

Após 23 anos do lançamento de seu primeiro filme, Toy Story ainda possue muitas informações desconhecidas de parte de seu público e algumas pendências de filmes anteriores que, segundo rumores, poderão ser esclarecidas no filme 4 da franquia. Quero apresentar-lhes nesta matéria, alguns segredos e curiosidades que já eram de meu conhecimento e outras que descobri pesquisando sobre o assunto.

Imagem da internet

OS BONECOS

Os bonecos Woody e Buzz (que iria se chamar Lunar Larry), foram criados com base em brinquedos de John Lasseter, diretor do longa e o nome Buzz é homenagem ao astronauta Buzz Aldrin, segundo homem a caminhar na Lua. Ainda sobre Ligthyear, Bill Crystal (Mike Wazowksjy em “Monstros S.A.”) foi convidado a dublar Buzz Lightyear, mas ele recusou o papel. Tim Allen acabou assumindo o personagem. O verde e o roxo da roupa de astronauta de Buzz são as cores prediletas de John Lasseter e sua esposa, respectivamente. O boneco astronauta pisca um olho de cada vez. 

Uma primeira versão do filme retratava Woody como um idiota sarcástico, que era grosso e insultava os outros brinquedos. A Walt Disney interrompeu a produção do filme até que o roteiro fosse reescrito, com um Woody mais carismático e agradável.

Imagem da internet

O FILME

O primeiro filme teve a maior bilheteria de 1995, arrecadando mais de 360 milhões de dólares em todo o mundo e batendo “Batman Forever”. Toy Story foi o primeiro longa-metragem realizado inteiramente com computação gráfica e é o único filme da Pixar a incluir todos os créditos na abertura.
Cada quadro levou entre 4 e 13 horas para ficar pronto, dependendo da complexidade da cena. O longa também foi o primeiro filme de computação gráfica indicado para um Oscar de melhor roteiro original. O endereço pedido pelo entregador da Pizza Planet – West Cutting Boulevard – é na verdade o nome da rua onde ficava a Pixar Animation. Todos os carros do filme têm uma placa com data de novembro de 1995, quando o filme foi lançado.

Imagens da Internet

SEGREDOS

Um exemplo de esclarecimento que o público aguarda para o filme 4 trataria a respeito do pai de Andy que não é explicada em nenhum dos três Toy Story. Não há fotos dele na casa, apesar de aparecerem várias de Andy com a mãe. Especula-se também que, Sid e Andy sejam parentes, por causa de um suposto caso entre o pai de Andy e a mãe de Sid e que a mãe de Sid seja a antiga dona de Jessie. Isso acompanha a antiga teoria de que o pai de Andy abandonou a família. Sid Philips, também conhecido como a criança que adora destruir brinquedos, foi inspirado em um ex-funcionário da Pixar que sempre desmontava brinquedos para fazer experimentos e criações bizarras. O nome Andy é uma homenagem a Andries “Andy” Van Dam, professor de ciência da computação e pioneiro da animação digital da Universidade Brown. Van Dam deu aula para vários dos criadores de Toy Story.

Resta-nos aguardar a estréia de Toy Story 4 em julho de 2019. Aguardamos ansiosos.

Leia mais sobre o assunto: 

TOY STORY 4 | Tim Allen revela que dubladores estão emocionados com o filme

_____________________________________________________________

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br

_______________________________________________________________________

Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

BLACK CLOVER | Confira o título e prévia do episódio 61 do anime

TEEKCAST #48 | Liga da Justiça com atores brasileiros

TITANS | O esquisito e lento”check-up” nos heróis – Episódio #07: Asylum (Crítica)

AS VIÚVAS | Crítica do Filme “De Ação” do Diretor Steve McQueen

CRÔNICAS DA MAGIA PROFUNDA | Nerdtrip lançará história original em dezembro de 2018

O REI LEÃO | Disney libera primeiro trailer oficial da adaptação em live-action!

AS VIÚVAS | Crítica do Filme “De Ação” do Diretor Steve McQueen

ROBIN HOOD: A ORIGEM | “Mistura de Arrow com Crepúsculo?” Crítica do Don Giovanni

Continue lendo

Papo de Cinema

PAPO DE CINEMA | Qual o Vingador mais forte no Universo Cinematográfico Marvel ?

Publicado

em

A discussão que permeia o universo Marvel ganhou uma nova página no último domingo, 21.

Desde que a expressão “Vingador mais forte” apareceu no longa dos vingadores, criou-se uma competição entre os fãs sobre quem seria digno deste título. Pouco a pouco foram criando-se critérios para definir quem realmente estaria no páreo e com isto alguns heróis foram saindo da “lista”. Sobraram então Hulk e Thor (ordem alfabética), que tiveram seu primeiro enfrentamento em 2012 no filme “Avengers”.

A discussão teve seu ápice em Thor Ragnarok (2017 onde os dois se enfrentam em uma luta emocionante. Em muitos momentos o “grandão” parecia ter extrema vantagem e em certos trechos começamos a pensar que o nosso herói loiro iria morrer em seu próprio longa-metragem. Conforme o filho de Odin vai se enfezando com o Gigante Esmeralda, fica clara a vitória sobre o amado da Romanoff; porém nunca saberemos quem venceria pois Thor foi sabotado pelo Grão-Mestre. A concorrência entre os admiradores dos heróis, só aumentou e até hoje se questiona quem ganhou aquela luta.

No último domingo, 21, porém, a revista Sha One publicou uma enquete que colocou em questão, qual dos dois seria o vingador mais forte. A pesquisa teve 620 votos em dois dias e com 70% dos votos, Thor seria o vingador mais forte (para alegria dos asgardianos). A consulta ficará disponível por mais cinco dias.

Imagem da internet

Tragam me Thanos…Thor se tornou Vingador definitivo nesse momento; comentou Vitor Souza em um dos compartilhamentos da publicação.

Hulk. Só que no cinema estão de sacanagem com ele; mencionou Pablo Henrique Oliveira no mesmo post.

Os dois vem seguindo arcos diferentes nos filmes. Thor está aparecendo cada vez mais em cenas épicas onde pode demonstrar seu poder e força, enquanto Hulk é visto em conflitos internos, onde Banner tem vencido e aparece muito mais como cientista nos bastidores de lutas.

Deixe você também sua opinião. Aqui nos comentários você pode escrever para nós, que é o vingador mais forte.

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

ARROW | Roteirista revela novidades do arco da Sereia Negra na 7º temporada!

SUPER DRAGON BALL HEROES | Reveladas prévia e sinopse do episódio “O Mais Poderoso Guerreiro” Vegeto Super Saiyajin 4

DETECTIVE PIKACHU | Sinopse divulgada revela a trama do live-action

MR. INBETWEEN | Série australiana sobre assassino de aluguel agrada em sua primeira temporada (Crítica sem spoilers)

SHINGEKI NO KYOJIN | Revelada data de retorno do anime e promessa de grandes anúncios para franquia!

JUMP FORCE | Bandai revela vilão do jogo criado por Akira Toriyama

BLACKPINK | Confira prévia da gameplay de DDU-DU DDU-DU no Just Dance 2019

FÚRIA EM ALTO MAR | Filme sobre conflitos submersos trás trama de tirar o fôlego (Crítica)

DRAGON BALL SUPER: BROLY | Confira mais de perto o visual de Bardock para o filme

Continue lendo
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Advertisement

Mais lidos da semana


WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: