Connect with us

Vale a Maratona?

VALE A MARATONA? | Grey’s Anatomy

Publicado

em

Resultado de imagem para grey's anatomyPegando carona no sucesso da primeira temporada de House M.D., Grey’s Anatony (que em sua exibição no SBT ganhou a tradução A Anatomia da Grey) estreou em 2005 como mais uma série médica. Porém a série vem, desde então, sabendo se renovar e chega forte a seu 300º episódio, coisa rara para uma série.

A história se passa em torno da protagonista (mais insuportável das séries), a interna Meredith Grey e seus companheiros no hospital Seatle Grace. Grey inicia sua história com um mistério sobre sua mãe, uma famosa cirurgiã que fez história no mesmo Hospital.

Resultado de imagem para grey's anatomyUma série que leva o nome da protagonista, como House, e que usa como recurso narrativo uma narração em off da mesma ao longo dos episódios, assim como Mohinder Suresh fazia e tornava Heroes detestável, em teoria deveria ter uma protagonista forte e as histórias girarem em torno dela. Mas não é o que ocorre aqui. Se fosse apenas pelos dramas de Meredith, a série já teria acabado há algum tempo.

Os produtores da série, diferentemente de House , souberam se desvincular da protagonista, dando espaços cada vez maiores aos personagens mais queridos, e até mesmo a ortopedista Callie que no início aparecia esporadicamente, vai se tornar uma das peças centrais do programa.

Outra vantagem para uma série tão longa se manter no ar é saber inserir novos personagens (como Owen Hunt, que aparece do nada em um episódio quase como um figurante e quando você percebe está no time dos protagonistas) e na capacidade de dizer adeus, mesmo à figuras queridas e extremamente importantes. A morte é uma constante dura, seja dos pacientes (e não há aqui aquele disparo mental final de House que tira uma cura do nada para a pior das doenças. Em Grey’s Anatomy os pacientes morrem, do nada, sem explicação, como na vida real) seja dos personagens recorrentes. Literalmente ninguém está à salvo.

Mais a grande marca da série são os relacionamentos, o sexo entre os médicos e a sua vida pessoal que se mistura com a profissional, e quase sempre se encontram no que parece ser o único bar de Seatle: o Joe’s. Intrigas, traições, divórcios e casamentos permeiam a série.

Mas o grande foco é ver a evolução dos personagens, que se no início só querem se dar bem a todo custo, com o tempo se tornam cada vez mais humanos, sensíveis aos pacientes e bem resolvidos com seus traumas que insistem em aparecer.

Claro que em um programa tão longevo, deslizes narrativos podem ser cometidos, temporadas mais fracas pode acontecer, mas nada que tire o prazer de acompanhar este universo tão incrível e com personagens tão fáceis de se apegar.

Com 14 temporadas (indo para a 15º) é uma série para muitas maratonas! (e se você é emotivo, prepare os lenços)

Resultado de imagem para grey's anatomy

Primeiro episódio: 27 de março de 2005
Número De Temporadas: 14
Emissora original: ABC
Disponível na Netflix: SIM (Até a 13ª temporada)
NOTA: 

Professor de História e Grande apaixonado pela sétima arte e da maior premiação do cinema, o Óscar. Viciado em séries e Redador das colunas "Vale a Maratona" e "Papo de Cinema".

Comente aqui!
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Mais lidos da semana


%d blogueiros gostam disto: