Connect with us

Críticas

CASTLEVANIA | 2º Temporada – Guerra, fúria e lições de pai e filho (Crítica)

Publicado

em

Drácula, o vilão, o vampiro. Mais humano que muita gente.

Bom dia galera. Fiquei afastado por um tempo da página mas aos poucos estou de volta e logo com grandes novidades pra vocês. Hoje meus amigos, faço meus votos de mudança e que isso traga força e bons ventos para nós que somos navegantes, afinal como dizia o grande Camões, tudo vale a pena se a vida não é pequena, não é mesmo? Mas vamos ao trabalho.

Warren Ellis é um gênio e mais uma vez ele prova isso. O escritor de Hellblazer e do personagem John Constantine na saudosa revista da Vertigo entende e muito de enredo bem amarrado e bem feito. E é isso o que vemos na sensacional e vibrante segunda temporada de Castlevania (Netflix/Konami, 2017, Warren Ellis e Sam Deats). Pegando o fio de onde as coisas terminaram na bem sucedida primeira temporada, quando depois da batalha para libertar o povo de Gresit, Trevor Belmont e Sypha Belnaldes, após uma sangrenta batalha, acham o mausoléu do dhampir filho de Drácula, Adrian Tepes também conhecido como Alucard. Após uma batalha contra Trevor (na qual ele apenas testa o atual Belmont) ele concorda em se juntar à cruzada contra seu pai Vlad Drácula Tepes.

Alucard. O filho, preferido do público e herói esperado.

A segunda temporada começa exatamente no ponto onde ideologicamente Ellis posiciona a primeira, demonstrando a prisão arbitrária por parte da Inquisição valaquiana que matou na fogueira Lisa Tepes, condenando-a como bruxa, sem querer entender as maravilhas que sua ciência e progresso havia trazido ao mundo. O engraçado é que Lisa acaba sendo delatada pelas mesmas pessoas que ajudou, o que nos leva a crer se Drácula não estaria certo em seu genocídio contra a humanidade (Vlad para mim está mais embasado que Thanos, por exemplo).

A partir daí, o que se vê é um show de intrigas que deixaria o criador de Vampiro: A Máscara, Mark Rein Hagen e a White Wolf orgulhosa. Ellis dá um show, criando uma atmosfera riquíssima ao melhor estilo da Guerra dos Tronos de J.R.R. Martin. Sem bajulação. A trama que ganha um que tridimensional com a entrada dos generais de guerra de Vlad, Godbrand (com a voz do experiente Peter Stormare, veterano em filmes de luta épica) um viking vampiro; Carmilla (Jaime Murray, outra experiente atriz) a cínica oligarca irresponsável que com suas intrigas lança de vez vampiros e humanos em guerra; Isaac (Adetokumboh M’Cormack. o destaque dessa temporada) como o ferreiro e forjador de demônios, amigo pessoal de Vlad; e Hector (Theo James, que cumpre muito bem seu papel) como o segundo forjador que possui um lado solidário mesmo sendo um necromante. Enquanto isso Alucard, Sypha e Trevor ficam em segundo plano, mostrando apenas a magnífica mansão dos Belmont, onde se situa a parte heróica da segunda temporada.

Carmilla. A vaca da vez e o preço da covardia.

O que sobra disso é um desfecho glorioso (claro sem spoilers) onde Ellis com muita maestria manipula como um mestre de brinquedos os seus peões de guerra até o clímax. O fim serve como um grande aperitivo de como será a terceira temporada, já confirmada pela Netflix. O Rotten Tomatoes adorou a série dando 100% e notas de 9,5 a 10 em todos os episódios. Quando Alucard e Sypha, passando pela batalha de Trevor contra criaturas invasoras, conseguem terminar o espelho de teleporte (algo parecido com os portais das magas de The Witcher) a mágica acontece (e um grandioso combate como a muito tempo não vemos nos desenhos também).

O final é digno de uma série de terror (sem spoilers), onde Ellis nos mostra que nossos verdadeiros fantasmas são eternos por que de alguma forma estamos fadados a repetir seus passos. Um final digno, poético e que mostra o preço da bravura e da covardia (e como esse gosto pode ser cruel) e abre o espaço para uma nova temporada. Aliás o desfecho de Drácula e Alucard demonstra em um tempo onde a família perde seus valores, o quanto (mesmo de maneira terrível) eles são importantes.

Prontos para a batalha final contra Vlad.

Nota para a segunda temporada: 5 / 5

Trailer:

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

PERDIDOS NA NOITE | Programa tosco dos anos 80 que teve importância fundamental para o rock nacional

DEMOLIDOR | Série chega ao seu ápice de qualidade na nova temporada – Crítica

BORUTO: NARUTO NEXT GENERATIONS | Revelados título, sinopse prévia e spoilers do episódio 79

GOBLIN SLAYER | Confira mais sobre o anime Seinen da temporada de outono

NIGHTWING | Diretor mantém esperanças por filme do Asa Noturna: Nightwing Vive, Sempre!

O lobo da noite. O nerd caçador. Sou criador de páginas, nativo da internet desde a chegada no nosso país, músico, escritor e as vezes até poeta. Jogador nato, criado nos games do Atari aos 4K atuais. Também sou fã de literatura, rpg e cyberpunk.

Comente aqui!
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Mais lidos da semana


%d blogueiros gostam disto: