Connect with us

Resenhas

CRÍTICA | Guerra Civil por Mestre Marvete

Publicado

em

 

 Pegadinha do Marvete… Ié, ié…

Se você clicou loucamente nesse link achando que leria uma crítica sobre o filme Capitão América: Guerra Civil, “desculpa aí”, mas hoje não. Hoje falaremos da adaptação dos quadrinhos para a literatura, GUERRA CIVIL, de Stuart Moore. 

“Mas pra quê fazer uma crítica do livro, se é a mesma coisa dos quadrinhos, amado Mestre Marvete?”, vocês devem estar se perguntando. 

Como o próprio autor cita em suas considerações finais, “Um livro não é uma história em quadrinhos (…)”, logo, para contar em forma de prosa essa história magnífica de Mark Millar, adaptações de roteiro tiveram que ser feitas. Algumas foram positivas, outras nem tanto. Então, vamos à nossa análise do livro. 

O livro ‘GUERRA CIVIL’ adapta a mega saga homônima dos quadrinhos que conta a história de uma “divergência de opiniões” quanto à lei entre Capitão América e Homem de Ferro, o que acaba descambando em uma porradaria generalizada entre super-heróis.

Um acidente causado por um grupo de jovens e imprudentes heróis acaba culminando em uma tragédia, e temos um projeto de lei que exige o registro e treinamento de superseres que pretendam ser heróis. De um lado temos três das maiores mentes do universo Marvel – Hank Pim, Reed Richards e Tony Stark – defendendo o projeto de lei, de outro, alguns dos heróis mais icônicos da editora, como Capitão América, Falcão e Demolidor. No meio do fogo cruzado, em dúvidas sobre o que é o certo, temos o Amigão da Vizinhança, o Homem-Aranha. 

O livro adapta bem a saga dos quadrinhos, e tem excelentes descrições de cenários e batalhas, uma preocupação importante quanto se adapta uma mídia tão visual como são os quadrinhos. Sua história se desenvolve bem mais que o encadernado de Guerra Civil, já que aproveita vários subplots que aparecem apenas nos tie-ins da saga (que são MUITOS).

Porém, o que pode incomodar muitos fãs mais xiitas são algumas alterações que o autor faz na história original. Em alguns casos, as alterações são benéficas, dando uma resolução melhor pra certas ações que parecem jogadas nos quadrinhos, como a invasão ao edifício Baxter. Outras alterações simplesmente não atrapalham em nada, mas parecem não ter razão de ser, como a troca ou omissão de certos personagens que realizam determinadas ações. O problema maior (que me incomodou) acontece quando essas mesmas substituições acabam alterando partes importantes do roteiro, ou acabam gerando situações sem sentido na história.

Por exemplo, Hércules, que tem um papel fundamental na história em quadrinhos, é deixado em terceiro plano no livro. E sua substituição num dos momentos MAIS IMPORTANTES DA HISTÓRIA (quando “alguém” ganha um novo “buraco de ventilação” em seu peito) acaba diminuindo uma culpa que nos quadrinhos é muito maior, transformando um ataque arbitrário em “legítima-defesa”. Em outro momento da trama, heróis se esforçam pra quebrar uma janela e fugir “se esquecendo” que TÊM UM TELEPORTADOR NO GRUPO. 

Claro que essas pequenas falhas não tiram a diversão e emoção que é viver, em qualquer que seja a mídia, a saga Guerra Civil. A leitura é fluida, a trama envolvente – fazendo com que você não consiga parar de ler até terminar. Enfim, um livro que merece estar na estante de todo marvete que se preze, e uma excelente maneira de introduzir pessoas quenão gostam de quadrinhos (tsc, tsc…) nesse maravilhoso mundo da Casa das Ideias. 

Nota para o livro: 4 / 5 

Deixe seu Comentário!

A NerdTrip teve seu início no ano de 2016 com a missão de levar entretenimento, notícias, resenhas e tudo sobre o universo pop/nerd/geek. “Uma ideia na cabeça, talento e vontade em nossas mãos!”

Resenhas

VERONIKA DECIDE MORRER | Várias faces da loucura neste maravilhoso clássico de Paulo Coelho

Publicado

em

Aos 24 anos, a eslovena Veronika parece ter tudo: juventude e beleza, pretendentes, uma família amorosa e um emprego gratificante. Mas num dia frio de novembro, ela toma um punhado de remédios para dormir com a intenção de nunca mais acordar.

Veronika Decide Morrer conta a história de uma garota jovem e linda que aparentemente tinha uma vida perfeita porém, Ela não andava muito entusiasmada com a vida por diversos motivos que são descritos no decorrer dos capítulos dessa obra. Decidindo de uma vez por todas que era hora de acabar com sua vida, ela planeja o dia que irá morrer.

Para a infelicidade da jovem, o suicídio que tinha tudo para ser bem sucedido não aconteceu como foi planejado. Em seus planos Veronika vislumbrava uma morte rápida e sem dor, mais após alguns minutos de tomar os comprimidos escolhidos para alcançar a tão desejada morte a garota acorda em um sanatório.  

Villete era um sanatório recém-aberto na cidade, e um lugar onde jamais alguém havia fugido. Neste local Veronika irá lutar conta si mesma em meio de várias pessoas que deram entrada nesse lugar com diagnóstico de loucura, além de conhecer profundamente a história de algumas delas.

Este livro apesar do título sugerir que o assunto será a história de um suicídio, trás a temática sobre as diversas  doenças da mente como depressão, síndrome do pânico e outras deficiências, mostrando de forma detalhada a rotina cotidiana de um hospício. O renomado autor Paulo Coelho aborda o assunto de maneira bastante didática sobre a insanidade humana, que o leitor acaba se identificando com alguns aspectos da própria vida. “Será  possível que todos nós sejamos um pouco loucos?” 

A escrita é super envolvente, fluida e instiga bastante a curiosidade do leitor sobre qual será o final de cada personagem além de Veronika. A leitura nos trás muita fascinação ao tentarmos entender a loucura vendo pelo ângulo do “louco”.  

A obra foi publicada em 1998 pela editora Objetiva e relançada em 2017 pela Paralela, também houve uma adaptação para o cinema em 2009. O autor teve como inspiração para criar o livro ele mesmo após algumas internações psiquiátricas. 

Pontuação de 0 a 5

Nota 5

 


SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER: twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

HOMEM-ARANHA: NO ARANHAVERSO | Sony divulga o 1ª trailer oficial da animação

TOKYO GHOUL: RE | Título e prévia legendada do episódio 11 da 3ª temporada do anime

BLACK CLOVER | Título e prévia legendada do episódio 36 do anime

MÁQUINAS MORTAIS | Nova produção assinada por Peter Jackson ganha trailer inédito

WOLFENSTEIN II: THE NEW COLOSSUS | Original Game Soundtrack chega em 19 de junho; ouça agora!


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

 

 

 

Deixe seu Comentário!

Continue lendo

Resenhas

O DIÁRIO DE JOHN WINCHESTER | A Bíblia dos irmãos caçadores da série Supernatural – Resenha da Viajante!

Publicado

em

Quem acompanha a série Supernatural com certeza já estão familiarizados com o diário que os irmãos Winchester sempre consultam nas primeiras temporadas pra saber mais como derrotar ou conhecer melhor sobre os demônios que estão lidando no momento.

O Diário de John Winchester é uma réplica do diário original usado na série. A obra conta com detalhes a caçada interminável do pai dos Hunters ao demônio responsável pelo assassinato de sua esposa, a mesma morreu queimada sobre o teto da casa misteriosamente no quarto do seu filho caçula quando era ainda um bebê. O viúvo começa sua jornada em busca de vingança, o seu alvo é o demônio do olho amarelo.

Ao aprofundar-se nesse mundo sombrio, John vai conhecer um universo de maldades sobrenaturais de todos os tipos, a origem deles, as lendas contadas através dos tempos e obtendo o conhecimento de como derrotar as forças demoníacas através de rituais bem macabros. Toda sua experiência é detalhadamente contada nas linhas de seu diário.   

A obra é super interessante pra quem é fã da série como eu, pois podemos ter um vislumbre do que se passava na cabeça de John, sua relação com Sam e Dean antes de deixa-los, e também sobre a infância dos irmãos Winchester mais a fundo, pois na série é contada com flashes curtos de maneira muito rasa.

Sinopse:

Baseado na série de TV Supernatural, “O Diário de John Winchester” é a reprodução fiel do livro-chave consultado pelos irmãos Dean e Sam Winchester nos episódios. Nele estão reunidos os muitos segredos colecionados por John para enfrentar a saga da família: ameaças sobrenaturais, demônios, fantasmas, espíritos, bruxas e vampiros estão minuciosamente descritos e detalhados nas centenas de ilustrações do Diário. Lançado com enorme sucesso em vários países, a tradução brasileira foi feita com cuidadosa pesquisa do universo sobrenatural. 

Essa obra foi lançada no ano de 2009 pela editora Gryphus e foi escrita pelo autor Alex Irvino.  O livro é Ilustrado e conta com um total de 218 páginas todas envelhecidas para que os leitores cheguem mais perto da semelhança com o original.  

Nota para o livro: 5/5  

FACEBOOK:  facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:  twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM:  instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE:  www.nerdtrip.com.br

Confira também:

DANMACHI | Trailer sobre o filme do anime é revelado

PANTERA NEGRA | Crítica do Don Giovanni

DRAGON BALL SUPER | Revelada a versão definitiva do Instinto Superior em Goku!

Deixe seu Comentário!

Continue lendo

Resenhas

O RETORNO | Dor e paixão na Espanha devastada pela guerra – Resenha da Viajante

Publicado

em

No inicio da narrativa dessa obra, a primeira impressão que tive foi de ser apenas uma história de duas melhores amigas vivendo uma aventura em uma curta viagem para as terras espanholas, porém, a autora introduziu de forma magnifica todo contexto da guerra civil neste livro com riqueza de detalhes.

Durante a estadia nesse país que segundo a opinião de “Maguie” é um lugar onde as pessoas sabem viver, as duas amigas desde a infância fazem valer cada dia na encantadora cidade de Granada quando matriculam-se em aulas de dança de salão. “Sônia” anda com seu casamento por um fio e essa distração caiu como uma luva para a parceira de viagem de “Maguie” espairecer as ideias, o que ela não imaginava era descobrir que seus pés tinham vida própria ao se deparar com o ritmo espanhol. Uma grande curiosidade levou Sônia querer conhecer melhor a história daquele país ao entrar em um café e ser recepcionada por um senhor muito simpático chamado Miguel.

A leitura nos leva mais além, mostrando a vida da família Ramirez nos tempos devastadores da guerra civil da Espanha. A misteriosa moça com uma antiga roupa de dançarina na foto preto e branco pendurada na parede daquele café, parecia muito familiar a viajante e mais tarde ela entenderá a chocante conexão com aquele lugar.

“O Retorno” é uma história envolvente, empolgante e comovente dentro do cenário sobre o terrível Golpe Militar liderado pelo general Francisco Franco em 1936, mergulhando o leitor sobre os cruéis acontecimentos do abuso de poder político. Uma leitura gostosa e amarga ao mesmo tempo.

Escrita por Victória Hislop e publicada pela editora Intrínseca.

 

Nota para o livro: 5 / 5

 

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK:  facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM:instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE:www.nerdtrip.com.br 

Leia tambem:

FALCON HEAVY | Quando a ficção científica vira realidade

LEGION | FX revela sinopse da 2º temporada!

Nerdtrip Nerdtrip BLEACH | Confiram o trailer do novo live-action baseado no mangá

 

Deixe seu Comentário!

Continue lendo

Deixe seu Comentário!

Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Advertisement

Mais lidos da semana

%d blogueiros gostam disto: