Connect with us

Notícias

CHRISTOPHER REEVE | Hoje a lenda completaria 66 anos

Publicado

em

 

Em 25 de setembro de 1952, nasceu o maior herói de todos os tempos. Ele nos inspirou com sua coragem e tocou nossos corações para todo sempre. Mantendo-se firme como aço, nos fez acreditar que o homem podia voar e nos fez entender que:

 

“Herói é um indivíduo comum que encontra a força para perseverar e resistir apesar dos obstáculos devastadores.”

 

 

Após a morte de George Reeves em 1959, a popularidade do “Homem de Aço” caiu vertiginosamente e para o grande público, seus dias de grandes aventuras não passavam de uma mera lembrança. Mas como uma “Fênix”, a lenda estaria destinada a ressurgir mais poderosa do que antes. Em 1978, com a premissa de que “você iria acreditar que um homem poderia voar”, estreava “Superman” e mais rápido do que uma bala, o longa alcançou poderosos US$ 300 milhões nas bilheterias mundiais e alavancou a popularidade do herói para um patamar jamais imaginado.

 

Apesar do maravilhoso roteiro de Mario Puzo (Poderoso Chefão) e da incrível direção de Richard Donner, foram a atuação e o carisma de Christopher Reeve, os verdadeiros responsáveis pelo enorme sucesso do filme.

 

O HOMEM

 

Nascido em 25 de setembro de 1952, em Nova Iorque, o último filho de Krypton conheceu o teatro aos nove anos e após se formar em teoria da música, foi estudar na renomada Juilliard School of Performing Arts, em Nova York. “Chris”, era um homem extraordinário e dotado de inúmeros talentos, desenvolvia suas capacidades atléticas e intelectuais, era um verdadeiro “gentleman” e um ator apaixonado e dedicado a sua profissão. Dedicação que o fez conseguir o cobiçado papel em “A Matter of Gravity”, peça da Broadway, estrelada por Katharyne Hepburn em 1975, desbancando mais de 200 atores.

 

O MITO

 

Quando começou a ler o roteiro de “Superman”, Chris entendeu que seriam “dois” personagens e não um e o fato da grande repórter “Lois Lane” não descobrir que “Clark Kent” era o “Superman”, incomodavam bastante o ator. Como resolver isso? Criando um contraste entre os dois personagens, Clark seria desajeitado, inseguro, tímido, vulnerável e adoravelmente ingênuo e com uma postura encurvada e depressiva. Para o Superman, a palavra-chave foi “inspiração”, ele é um líder que inspira as pessoas, que dá o exemplo, que se importa com todos. Quando “Lois” pergunta “Quem é você?” e o Superman responde…”um amigo”, ai está todo segredo do papel, valorizar o “amigo” e não o herói. Quando o Superman salva Lois na famosa cena do helicóptero e todos os pedestres e populares explodem em palmas e gritos histéricos, o som era abafado pela plateia do cinema, que impactada com a cena, gritava e aplaudia mais que os figurantes do filme.

 

O HERÓI

 

Todo Herói tem que lidar com alguma tragédia, ou com uma grande perda pessoal e no caso do maior de todos, isso não seria diferente. Em maio de 1995, participando de uma competição de hipismo, o experiente cavaleiro caiu de seu cavalo “Buck”, levando junto as rédeas, o cabresto e o freio, de modo que suas mãos ficaram presas, impedindo que a queda fosse amortecida. Com o impacto, Chris fraturou a primeira e a segunda vértebra cervical, a lesão conhecida como “lesão do enforcado”, é a mesma fratura que acontece quando o alçapão da forca se abre e o nó do laço é apertado. Paralisado do pescoço para baixo e respirando com a ajuda de aparelhos, Reeve pensou em desistir, mas o amor de sua esposa Dana e as milhares de cartaz e mensagens dos fãs do mundo inteiro, que viam nele o símbolo máximo de esperança e determinação, encorajaram o nosso “homem de aço” a lutar até o fim. O homem do amanha conquistou inúmeras vitórias, conseguiu respirar sem ajuda de aparelhos, conseguiu mover o dedo e o pulso, destingir calor e frio nos pés, coisas inconcebíveis para alguém com suas limitações. Criou uma fundação para levantar fundos para as pesquisas sobre lesões de medula, dirigiu filmes, produziu, atuou e lutou com todas as suas forças até que em 10 de outubro de 2004, vitima de uma parada cardíaca, o maior herói de todos os tempos, partiu em direção ao sol para ter seu descanso merecido. Foi no momento mais difícil de sua vida, preso a uma cadeira de rodas e impossibilitado de se mover que Christopher Reeve mostrou o verdadeiro significado da palavra “herói”.

A história nos conta que a nave kryptoniana caiu no Kansas, mas eu prefiro acreditar que ela caiu em Nova Iorque em 1952. Nascido Kal-El, ele adotou o nome de Clark Kent, mas o mundo todo o conheceu como “Christopher Reeve”.

 

Parabéns “Homem de Aço”!

 

Hoje, na contagem terrestre o Superman completa 66 anos, onde quer que esteja, pois heróis nunca morrem, principalmente o maior deles.

 

 

SIGA-NOS nas redes sociais:

FACEBOOK: facebook.com/nerdtripoficial
TWITTER:twitter.com/nerdtripoficial
INSTAGRAM: instagram.com/nerdtrip_
VISITE NOSSO SITE: www.nerdtrip.com.br


Leia outras notícias do Nerdtrip e confira também:

THE BIG BANG THEORY | O que esperar da derradeira temporada?

KINGDOM HEARTS 3 | Confira as novidades apresentadas na TGS 2018

BOKU NO HERO ACADEMIA | Confira o título e prévia legendada do episódio 25 da 3° temporada

TRIP LISTA | As melhores séries de super-heróis de todos os tempos pela equipe Nerdtrip

DRAGON BALLL FIGHTERZ | Trailer de lançamento da DLC do Androide 17 e Cooler

A PRIMEIRA NOITE DE CRIME | Crítica do Don Giovanni


Studio Geek – Os Melhores Produtos da Cultura Pop, Geek e Nerd.

 

Giovanni Giugni (Don Giovanni) é o exército de um homem só, por trás da "Casa das Ideias Nerd". Teve a felicidade de ter como primeiras experiências cinematográficas, filmes do calibre de "Superman" de 1978 e "O Império Contra-ataca". Destemido desenhista e intrépido apaixonado por "Super-heróis", vive disfarçado como um pacato Professor de musculação.

Comente aqui!
Advertisement

Receba as novidades do Nerdtrip em seu e-mail!

Insira seu endereço de e-mail para embarcar nessa Viagem Nerd!

Mais lidos da semana


%d blogueiros gostam disto: